Poltronas elétricas proporcionam mais conforto aos pacientes oncológicos no Hospital Macrorregional de Caxias

Com o objetivo de proporcionar mais conforto aos pacientes oncológicos atendidos pelo Hospital Macrorregional Dr. Everaldo Ferreira Aragão, em Caxias, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) substituiu as poltronas da sala de quimioterapia por poltronas elétricas. Além de maior conforto aos pacientes que já passam por este procedimento, as cadeiras elétricas oferecem mais autonomia, já que eles mesmos poderão manuseá-las via controle.

O diretor-geral do Hospital Macrorregional de Caxias, Jefferson Coutinho explica que, ao todo, nove poltronas elétricas foram entregues para a unidade. E que elas se diferem das antigas no que diz respeito ao conforto, visto que o paciente oncológico pode ficar por horas na quimioterapia.

“Antes, utilizávamos as poltronas que eram apenas reclináveis. Agora, as novas poltronas geram um maior conforto e autonomia ao paciente, que através do controle remoto, coloca a cadeira na posição que ele quiser. Ela pode, por exemplo, ser aberta em 180° ficando na mesma posição de uma cama. Para os técnicos e enfermeiros que irão realizar as pulsões dos pacientes também é melhor, porque ela tem a possibilidade de aumento da altura”, ressaltam o diretor-geral, Jefferson Coutinho.

Em média, cerca de 300 pacientes são atendidos por mês pela sala de quimioterapia da unidade de saúde, que é referência no tratamento oncológico na região. Eles destacam o ganho na qualidade de vida durante a realização do procedimento. “Achei ótima a mudança. A cadeira é mais prática e me sinto mais confortável. Com a nova poltrona, o meu tratamento melhorou em todos os sentidos”, afirma dona de casa Keila Macêdo, que mora na cidade de Matões e trata há seis meses um câncer de mama no Hospital Macrorregional de Caxias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.