.

Judiciário de Santa Rita celebra união de 72 casais sem taxas cartorárias

Uma cerimônia presencial de casamento comunitário foi realizada pelo Judiciário de Santa Rita, no dia 17 de novembro, no Centro de Convenções José Gonçalo, na Avenida Ivar Saldanha, Centro.

A solenidade reuniu 72 casais de baixa renda, que foram beneficiados com a gratuidade do registro civil, pelo Projeto “Casamentos Comunitários”, oferecido pelo Poder Judiciário do Maranhão, e autorizados pela Corregedoria Geral da Justiça.

Dentre os casais, dois tiveram lugar de destaque na cerimônia. Aureliano Mendes e Maria do Rosário Silva Camilo, formavam o par mais idoso da celebração. E Izidorio Cardoso Machado Campelo e Lilia Cristina Machado Campelo, o mais jovem.

PARCERIA INSTITUCIONAL

O projeto foi realizado em parceria institucional com a Prefeitura Municipal, que deu apoio na estrutura do evento, e apoio do cartório extrajudicial do Ofício Único de Santa Rita, que realizou os procedimentos necessários ao processo de habilitação dos noivos para o registro civil, gratuitamente, conforme a lei.

A solenidade foi presidida pelo juiz titular, Thadeu de Melo Alves, que contou com o apoio de colegas da magistratura na realização dos casamentos, individualmente, de cada casal participante.

Auxiliaram o titular os juízes Ricardo Augusto Figueiredo Moyses (Morros) e Bruno Barbosa Pinheiro (2ª Vara de Buriticupu) e Haderson Rezende Ribeiro (2ª Vara de João Lisboa).

Participaram da cerimônia os desembargadores do Tribunal de Justiça, Sebastião Joaquim Lima Bonfim e José Gonçalo de Sousa Filho; a promotora de Justiça de Santa Rita, Karine Bruzaca Pereira, o prefeito municipal Hilton Gonçalo de Sousa, a prefeita de Bacabeira, Carla do Rego Gonçalo e o presidente de Câmara de Vereadores de Santa Rita, vereador Fredilson Carvalho.