Conselho Estadual de Turismo se reúne para discutir avanços para o setor

O Conselho Estadual de Turismo (CET-MA) abriu o debate de pautas essenciais para o avanço das políticas públicas para o setor em 2024, na última quinta-feira (7), no auditório da Fecomércio, em São Luís. A convocação para a reunião ordinária partiu da Secretaria de Estado do Turismo (Setur-MA), que propôs temas referentes aos programas, ações e projetos, além de mediar a discussão de demandas espontâneas.

Entre os temas da reunião estavam: criação do Fundo Estadual de Turismo; hierarquização dos polos turísticos e diferenciação conforme classificação do MTur; atualização no mapa do turismo brasileiro; implantação de política estadual para turismo de base comunitária; editais de apoio às organizações da cadeia produtiva; São João; encontro de gestores e Expo Turismo.

A secretária de Estado do Turismo, Socorro Araújo, afirmou que a aproximação com a cadeia produtiva é uma estratégia para trazer mais assertividade às ações da pasta executiva. “O governador Carlos Brandão faz questão de ouvir as entidades e de envolver essa cadeia produtiva. Fala-se muito do turismo e a gente percebe, em reuniões como essa, a preocupação de todos em ter, no turismo, um importante gerador de emprego e renda para nossa população”.

O secretário adjunto da Setur-MA, Ruan Tavares, classificou a reunião como superprodutiva, com diversos alinhamentos, inclusive para as festas juninas que mais movimentam o turismo maranhense. “Foi a segunda reunião do Conselho na atual gestão, a primeira deste ano e foi super importante porque é um espaço no qual são apresentadas as principais demandas, estabelecendo um diálogo entre as entidades que fazem o turismo acontecer no estado. Tratamos de eventos futuros, como é o caso do São João, que exige a força e a sintonia do trabalho integrado”, frisou.

Para a gestora estadual de Turismo e Cultura do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MA), Flávia Nadler, “esses momentos são muito ricos de compartilhamento de informações. É também o momento de troca com as instâncias de governança e as entidades da sociedade civil. Por isso, a importância da gente pensar junto em prol do desenvolvimento e fortalecimento do turismo no Maranhão”, disse.

“Eu acho que esses debates servem não só para a gente ter uma devolutiva daquilo que a gente colocou como pauta prévia. Faz, realmente, essa conexão com outras demandas urgentes. Então, foi excelente porque a gente pôde ouvir para atuar como associação. O nível de discussão foi altíssimo e profissional”, avaliou Dayanna Barbosa, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens no Maranhão (Abav-MA).

A primeira reunião deste ano foi em continuidade ao diálogo iniciado pela Setur-MA, em novembro do ano passado, consolidando o CET como um espaço de construção política e resolução prática de desafios para fortalecer o turismo maranhense. Criado em 2020, o Conselho Estadual de Turismo é um órgão consultivo composto por 62 conselheiros de órgãos e entidades ligadas ao segmento.