Três pessoas são presas por destruírem casa de testemunhas dos furtos aos trens da Vale

A Polícia Civil do Maranhão prendeu em flagrante delito, nesta quinta-feira(13), os nacionais com iniciais M.deJ.N.L., de 58 anos, M.G.L., de 19 anos, e J.R.L., de 67 anos, pelo crime de Dano Qualificado. A equipe da Delegacia Regional de Itapecuru Mirim realizou as prisões, em ação conjunta com a Força Tática da Polícia Militar de Itapecuru Mirim.

O crime de dano, bem como a operação, ocorreram no Povoado Cariongo 3, divisa entre os municípios de Itapecuru Mirim e Miranda do Norte, onde, na quarta-feira(12), foram cumpridos Mandados de Prisões Preventivas pela Polícia Civil, contra três suspeitos de furto aos Trens da Vale. Com eles, foram encontrados sessenta sacos de soja de origem criminosa.

Os autuados nesta quinta-feira são familiares das pessoas presas no dia anterior que, tomados pela emoção, derrubaram a casa pertencente à testemunha dos crimes de Furto Qualificado e Associação Criminosa, praticados contra os trens da Vale.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.