Tommy Hilfiger celebra “A New York Moment” no desfile Outono-Inverno ’24

Tommy Hilfiger, foi headliner da Semana da Moda de Nova York na sexta-feira, 9 de fevereiro, com “A New York Moment”. Numa noite de Hilfiger Hospitality at The Tommy, uma tomada de controle vermelha, branca e azul do Oyster Bar, a marca levou a moda, o entretenimento e as celebridades ao Grand Central Terminal. Começando como uma carta de amor a Nova Iorque, a coleção outono-inverno ’24 canalizou o estilo único da cidade e reinterpretou-o com um toque distintamente Tommy. A noite anunciou um regresso ao ADN da TOMMY HILFIGER, os códigos do estilo Classic American Cool e um visual inspirado no estilo de vida da cidade.

Coleção outono-inverno ’24

“BEM-VINDO A UM MOMENTO NOVA IORQUINO”. A coleção outono-inverno ’24 começou como uma carta de amor a Nova York, quando Tommy Hilfiger reuniu uma vida inteira de memórias em um “New York Moment” perfeito. A coleção é inspirada em Nova York, a casa do Classic American Cool, canalizando o estilo único da cidade e reinterpretando-o com um toque distinto de Tommy. É o espírito do preppy modernizado através de uma lente nova-iorquina.

Continuando uma tradição de trabalhar detalhes atléticos nas suas coleções, Tommy traz um novo ponto de vista ao guarda-roupa do vestuário desportivo americano casual. Os clássicos do preppy dos anos 90, incluindo a camisa rugby, o blazer, as  calças chinos e o casaco varsity, são enriquecidos com peças texturizadas em veludo cotelê, espinha de peixe e risca de giz. Os casacos femininos feitos sob medida são confeccionados em lã camel, xadrezes amplificados e tweeds em tons terrosos, enquanto as malhas e os vestidos polo são cortados em caxemira luxuosa. A silhueta é inspirada num período em que a TOMMY HILFIGER deu mais liberdade aos códigos do preppy americano, modelando as pernas de calças mais largas, abotoaduras descontraídas e outwear quadrado. É o Americano da Tommy ganhando vida em tons de vermelho, branco e azul que difundem o DNA icónico da marca com modernidade.

Entretenimento e experiência

Atravessando o famoso Oyster Bar do Terminal da Grand Central Station, o desfile, que contou com todos os convidados na primeira fila, foi produzido numa escala íntima, dando um novo toque à forma de entretenimento de moda da Tommy. Os convidados foram conduzidos ao subsolo para uma experiência encantadora que parecia o clube secreto (não tão) mais divertido da moda. As lendas do entretenimento Questlove e o vencedor de vários GRAMMY® Jon Batiste trouxeram a música para a passarela em um toque característico da Tommy.

A banda sonora de Questlove, inspirada no Grand Central, foi concebida como uma viagem pelos cinco distritos de Nova Iorque. Aparecendo para uma atuação ao vivo entre os espetáculos nos GRAMMY®️ Awards e em Las Vegas, Jon Batiste fez um final de grande energia interpretando o seu sucesso “Freedom”.

Em tributo à história de Tommy, o Oyster Bar foi decorado com referências ao estilo e à história pessoal do maior sonhador americano. Os assentos das cabinas, com painéis de madeira, acrescentaram intimidade com almofadas de risca de giz com a assinatura da marca e serão doados à Material For The Arts, contribuindo para a comunidade local. Os toques do DNA vermelho, branco e azul da marca foram espalhados nos jogos americanos e nas bases para copos ilustrados à mão com a iconografia da cidade, enquanto o carpete azul-marinho deu ao espaço o estilo icônico de Tommy. Os convidados foram brindados com cocktails tão atemporais como o restaurante, incluindo o Old Fashioned e o favorito de Tommy – o clássico Martini.

See Now, Buy Now

Abraçando o fato de o “See now, buy now” ter passado da passarela para a conversa cultural cotidiana, a primeira fila foi colocada em destaque com os convidados vestidos com itens da coleção que podem ser comprados.

O camarim emergiu como um novo centro para fundir a experiência da marca, o talento e o conteúdo, uma vez que os VIPs foram vestidos com a coleção da primavera de ‘24, elevando a ressonância e a visibilidade do produto. Estrelas de todo o mundo da F.A.M.E.S – moda, arte, música, entretenimento e esportes, encarnaram o estilo Classic American Cool em vermelho, branco e azul. Nos próximos meses, serão lançados conteúdos nas plataformas da marca, enquanto os talentos iluminam as ruas de Nova York com as mais recentes coleções. 

A família Tommy senta-se na primeira fila 

A nova embaixadora de longa data da TOMMY HILFIGER Womenswear, Sofia Richie Grainge, está reformulando o que significa influenciar a moda hoje em dia e trouxe a sua visão do estilo Classic American Cool para a primeira fila, acompanhada pelo marido produtor musical Elliot Grainge. Damson Idris, ator de Hollywood e embaixador do TOMMY HILFIGER Menswear há vários anos, também fez uma participação especial. Idris está atualmente a filmar APXGP, uma longa-metragem de Fórmula 1™️ muito aguardada, patrocinada pela Tommy Hilfiger e produzida pela Dawn Apollo Films, de Sir Lewis Hamilton.  

Dando continuidade ao legado da TOMMY HILFIGER de estabelecer parcerias com os talentos mais emblemáticos da cultura pop de todo o mundo, o evento foi agraciado com a elegância da atriz indiana Sonam Kapoor, o talento pioneiro do ícone coreano do cinema e da música Junho Lee e a sofisticação da estrela da moda australiana Nicole Warne.  As sensações da música e do entretenimento tailandeses Pond Naravit, Phuwin e Win Metawin representaram o movimento T-Wave no espetáculo. 

 A estrela da campanha TOMMY HILFIGER outono ’23, Paloma Elsesser, desfilou na passarela enquanto o seu irmão Sage Elsesser assistia da primeira fila ao lado de GloRilla, Central Cee e Nayeon – estrelas da cultura pop que também participaram em campanhas recentes da marca. 

A estrela do entretenimento Kelly Rutherford participou no espetáculo juntamente com os novos embaixadores da Tommy Family, Noah Beck, Sabrina Quesada, Jasmine Tookes, Lyndsey Vrckovnik, Sophia Hublitz, Mason Gooding, Justine Skye, Elle Smith, Orion Carloto e Grier Henchy. Entre os convidados especiais contam-se Edison Chen, Mia Regan, Xenia Adonts, Jacob Rott, Adele Exarchopoulos e Ryan Prevedel.  

Elenco e parceiros

Situado sob os deslumbrantes tetos de azulejos abobadados do Grand Central Oyster Bar, um elenco renomado de criadores de moda trabalhou em conjunto para organizar o espetáculo. O casting de Michelle Lee representou a Tommy Girl e o Tommy Boy – nova-iorquinos nativos que se tornaram confiantes e discretos, facilmente em sintonia com a cidade e o seu estilo.

O styling e a direção criativa estiveram a cargo de Joe McKenna, e a produção do evento a cargo de Keith Batista e da Prodject Agency. A cobertura foi transmitida nos canais sociais da TOMMY HILFIGER e dos seus parceiros, definindo o momento na cultura.  

# # # 

Sobre TOMMY HILFIGER

A TOMMY HILFIGER é uma das marcas de estilo de vida premium mais reconhecidas do mundo, que inspira os consumidores desde 1985. A marca cria um estilo icônico, que ganha vida na intersecção entre o clássico e o novo, co-criado com pessoas que moldam a cultura em todo o mundo. A TOMMY HILFIGER celebra a essência do estilo clássico americano com um toque moderno, e oferece alta qualidade aos consumidores de todo o mundo, sob o portfólio que inclui roupas masculinas e femininas, além da linha infantil, coleções de jeans, underwear, sleepwear e loungewear, calçados, acessórios, bolsas e malas de viagem.