iFood traz dicas de como melhorar as vendas no delivery em evento online para restaurantes

Criar um cardápio atrativo e campeão, se destacar no aplicativo, engajar promoções,  escolher a embalagem correta,  turbinar as vendas e ainda fidelizar o cliente, são algumas das principais dúvidas, que se transformaram em dicas fundamentais para os empreendedores que escolheram o delivery para reinventar ou iniciar o seu negócio. Para se destacar no mercado, é preciso ainda mais conhecimento e técnicas. Por isso, o iFood, referência em food delivery na América Latina, promoverá no dia 17 de maio o webinar “Experiência iFood”, com 3h de duração, 100% online e gratuito, com a presença de executivos do iFood, que irão compartilhar conteúdos e dicas com os restaurantes, e contribuir no desenvolvimento do negócio  e potencializar as vendas dos parceiros que atuam na plataforma. 

Durante o evento, serão divulgados cinco cases de restaurantes que tiveram uma ideia  inspiradora para sustentação e apoio a sociedade durante a pandemia. Foram cerca de três mil inscritos. Os mais votados pelos próprios participantes do evento, receberão um reconhecimento e ganharão benefícios dentro do iFood Shop com prêmios que chegam a 10 mil reais.  Outra atração do evento será a palestra de Bernardinho, treinador de voleibol, ex jogador, economista e empresário que falará da sua trajetória e exemplo de superação e inovação como um dos principais líderes do esporte brasileiro. 

Entre janeiro e março de 2021, foram mais de 30 mil novos restaurantes cadastrados no aplicativo, sendo 93% pequenos e médios estabelecimentos em todas as regiões do país. Esse movimento foi observado como reflexo da grande transformação digital nos hábitos de consumo e do avanço da tecnologia, e permitiu que milhares deles ganhassem fôlego ou pudessem se reinventar em meio a crise da pandemia. 

Em março, o iFood alcançou a marca de mais de 270 mil restaurantes na plataforma e mais de 110 mil deles entraram nos últimos 12 meses. Neste último ano, iniciativas de capacitação e apoio aos restaurantes têm sido intensificadas e implementadas pelo iFood. Além disso, a empresa se uniu recentemente com o Sebrae por meio do movimento “Compre do Pequeno”, disponibilizando cursos de desenvolvimento profissional a funcionários de restaurantes parceiros e orientações aos donos de estabelecimentos, como cursos de gestão para novos empreendedores, boas práticas nos serviços de alimentação, entre outros. Até o dia 31 de maio, funcionários de restaurantes poderão se inscrever em 14 cursos diferentes de forma gratuita, e todos com certificação.  Também, foi lançada a segunda edição do “Curso de Apoio à Gestão de Restaurantes”, com a Escola Conquer, que oferece soluções estratégicas para o negócio, desde trilhas que falam sobre gestão de finanças, novo comportamento de consumo, tendências em marketing digital, entre outros. Mais de 50 mil pessoas, entre proprietários e funcionários já usufruíram deste benefício.  

O iFood desenvolveu ainda um programa de parcerias que oferece descontos e facilidades nas despesas mensais dos restaurantes cadastrados no aplicativo. A ação conta com empresas como, Supergasbras, Contabilizei, BMG Seguros, Pranabank, NeoGourmet, Worc e Vivo. Os benefícios negociados com essas empresas são descontos de 12% a 80%, prazo de pagamento estendido, redução de prazos contratuais (12 meses vs. 6 meses) e atendimento e suporte 24/7. A expectativa é que, em média, os restaurantes possam economizar até R$4 mil por mês com gás, internet, energia, contabilidade, entre outros serviços essenciais para o funcionamento dos restaurantes. 

Sobre o iFoodO iFood, referência em delivery online de comida na América Latina, tem 60 milhões de pedidos mensais. Há dez anos no mercado, a empresa de origem brasileira está presente também na Colômbia. Atua junto aos parceiros com iniciativas que reúnem inteligência de negócio e soluções de gestão para os cerca de 270 mil restaurantes cadastrados em mais de mil cidades em todo o Brasil. O iFood conta com importantes investidores, como a Movile, líder global em marketplaces móveis, e a Just Eat, uma das maiores empresas de pedidos online do mundo.