O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

Governo vistoria obras de ampliação da Maternidade de Alta Complexidade

As obras de ampliação da Maternidade de Alta Complexidade do Maranhão (Macma), na Região Metropolitana de São Luís, foram vistoriadas neste sábado (20) pelo secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto. São 59 novos leitos de enfermaria para melhorar o atendimento na saúde e reforçar o combate ao coronavírus nesse momento de pandemia. 

A nova estrutura abrange ainda dois postos de enfermagens, sala de repouso plantonista, médico de enfermagem e administrativo da enfermagem, farmácia satélite, sala de reunião e de assistência social. Conta também com quatro salas cirúrgicas, UTI com oito leitos e dois de isolamentos, recuperação pós-anestésica RPA para cinco leitos; salas de recém-nascidos, AMIU, de admissão, de repousos, de reunião, da família, vestiário, secretaria e rouparia.

Segundo Clayton Noleto, as obras já estão na etapa final e devem ser entregues nos próximos 15 dias. “Nossa prioridade nesse momento tem sido preservar, ao máximo, a vida e a saúde do povo maranhense. Por isso, estamos trabalhando intensamente para ampliar a rede de atendimento na [área da] saúde no estado, com investimento em várias cidades. A ampliação da Macma é uma obra que ilustra esse movimento”, destacou.

Além da Macma, o Governo do Estado tem feito outros investimentos na área da saúde para minimizar os efeitos da pandemia do Covid-19, como a ampliação do Hospital do Servidor que recebeu 20 novos leitos de UTIs (Unidade de Terapia Intensiva). Paralelamente, cidades próximas também são contempladas com reforços para descentralizar e otimizar o atendimento à população. No Hospital Alarico Pacheco, em Timon, são 25 leitos de enfermarias, fora as ações nas demais regiões. Em Imperatriz, por exemplo, foi instalado um Hospital de Campanha com 60 novos leitos.