.

Governo auxilia mulheres maranhenses a receberem auxílio durante e depois da gravidez

“No período em que eu tive minhas duas filhas, eu estava desempregada e não conseguia outras formas de complementar minha renda. Ter contado com um benefício extra durante o período de gravidez e nos primeiros meses de amamentação foi muito importante para mim, nesta fase”, disse Maria de Jesus, beneficiária do Bolsa Família, que através da campanha Mulheres do Bolsa Família conseguiu acessar outros dois benefícios e reforçar o seu sustento e o de suas filhas.

Promovido pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes), a campanha Mulheres do Bolsa Família vem ajudando as mulheres maranhenses a acessarem benefícios que complementam a renda de suas famílias.

O secretário da Sedes, Márcio Honaiser, destaca a importância do benefício. “Sabemos que essas mulheres muitas vezes estão sozinhas na tarefa de sustentar seus filhos e acabam tendo dificuldades de retornar ao mercado de trabalho, por isso esses benefícios, tanto durante a gestação quanto nos primeiros meses de vida do bebê, são fundamentais para que mães e filhos tenham mais qualidade de vida”.

A campanha tem o objetivo de divulgar os dois benefícios que as gestantes e mães que amamentam têm direito, e, que complementam o Bolsa Família: o Variável Gestante e o Variável Nutriz, criados em 2011. Eles são pagos durante o período de gravidez e nos primeiros meses de amamentação, com o objetivo de reforçar a alimentação das mães e dos recém-nascidos e outras necessidades.

O Benefício Variável Gestante pode ser solicitado assim que a mulher iniciar o acompanhamento com a equipe de atenção básica de saúde no município, que registra a data da última menstruação e encaminha a gestante para a realização do pré-natal. Já o Benefício Variável Nutriz, acontece a partir do nascimento dos bebês, e as mães do Bolsa Família podem solicitar o benefício com a apresentação da certidão de nascimento do bebê, no setor responsável pelo programa no município.

Passo a passo
1- Registro da consulta do pré-natal
2- Registro da gestante no Sistema do Programa Bolsa Família na Saúde na Plataforma eGestor AB
3- Análise e recebimento do beneficio