Campanha McDia Feliz vai beneficiar 67 projetos de 56 instituições que atuam em prol do câncer infantojuvenil no Brasil

“Só conseguimos continuar o tratamento da minha filha graças ao apoio que recebemos do Instituto e de todas as pessoas que ajudam essa causa. O Instituto Ronald McDonald me abraçou e me acolheu com todo amor e carinho. Não tenho palavra para agradecer e retribuir tudo o que fazem por nós”. Esse é o relato de reconhecimento e gratidão de Miriam dos Santos, mãe da Eloah, de três anos, diagnosticada com câncer. A família é uma das hóspedes em tratamento da Casa Ronald McDonald, instituição apoiada pela arrecadação da campanha anual McDia Feliz, uma das maiores campanhas de mobilização em prol da saúde e educação de crianças e jovens do Brasil.

E neste ano, a 33ª edição do McDia Feliz vai acontecer no sábado, 23 de outubro, e beneficiará 67 projetos de 56 instituições que atuam com oncologia pediátrica no Brasil. A lista foi anunciada nesta semana pelo Instituto Ronald McDonald, organização sem fins lucrativos que há mais de 22 atua para aproximar famílias da cura do câncer infantojuvenil e aumentar as chances de cura da doença em crianças e adolescentes no país.

“O câncer infantojuvenil é a doença que mais mata crianças de 1 a 19 anos, segundo o Inca, com o surgimento de um novo caso cada hora Brasil. Neste momento desafiador, mais do que nunca, precisamos de ajuda. Nossos pequenos pacientes em tratamento oncológicos estão no grupo de risco da Covid-19, e não podem interromper o tratamento. Por isso, trabalhamos com as doações, como as arrecadas pelo McDia Feliz, na criação de diversos projetos com foco em aproximar famílias da cura do câncer infantojuvenil no país”, afirma Bianca Provedel, Diretora Executiva do Instituto Ronald McDonald.

A campanha contemplará ainda 46 cidades em 20 estados mais o Distrito Federal. Os projetos foram selecionados por meio do Processo de Submissão de Propostas do Instituto, com o objetivo de atender as prioridades estratégicas em cada região, além de contribuir para a expansão e melhoria da qualidade do atendimento prestado a crianças e adolescentes com câncer.

“No cenário de pandemia da Covid-19, conseguimos perceber o aumento de necessidades e busca por auxílio de pacientes, seja por questões financeiras, de saúde ou até mesmo psicológica. Por isso, esse apoio que recebemos do Instituto Ronald McDonald é fundamento para podermos melhorar esse cenário”, relata Monica Gottardi, Coordenadora do Núcleo de Atenção ao Paciente do Instituto do Câncer Infantil (ICI), de Porto Alegre (RS), uma das instituições beneficiadas pela arrecadação do McDia Dia Feliz. Em 2020 a Instituição, que tem como objetivo oferecer a crianças e adolescentes com câncer a melhor oportunidade de vencer a doença, recebeu o prêmio de Melhor Ong na Categoria Saúde do Instituto Doar.

33ª EDIÇÃO SERÁ REALIZADA EM 23 DE OUTUBRO

Nesta edição McDia Feliz, devido ao contexto mundial da pandemia da Covid-19, será promovida em formato híbrido, unindo o virtual e presencial. Será possível adquirir tíquetes antecipados no formato digital, respeitando o distanciamento social, que estarão disponíveis pelo e-commerce do Instituto, no valor de R﹩ 17,00. O McDia Feliz 2021 seguirá uma série de medidas que priorizaram a saúde e segurança dos clientes, funcionários e parceiros da rede, guiadas pelo programa McProtegidos. Informações sobre a venda antecipada de vouchers para o McDia Feliz serão divulgadas em breve.

Clique aqui e veja a lista das instituições e projetos apoiados

Sobre o Instituto Ronald McDonald

Organização sem fins lucrativos, o Instituto Ronald McDonald (IRM) há mais de 22 anos atua para aproximar famílias da cura do câncer infantojuvenil e aumentar as chances de cura da doença. Para atingir esse objetivo, o Instituto Ronald McDonald trabalha promovendo a estruturação de hospitais especializados, a hospedagem para famílias que residem longe dos hospitais, a capacita profissionais de saúde para realizarem o diagnóstico precoce, incentiva a adesão a protocolos clínicos e promove disseminação de conhecimento sobre a causa. A ONG faz parte do sistema beneficente global Ronald McDonald House Charities (RMHC), presente em mais de 60 países, coordenando os programas globais: Casa Ronald McDonald, voltado para a hospedagem, transporte e alimentação dos pacientes; e o Programa Espaço da Família Ronald McDonald, que torna menos desgastante o dia a dia das famílias durante o tratamento. No Brasil, há ainda outros dois programas locais: Atenção Integral e Diagnóstico Precoce, com ações específicas de combate ao câncer infantojuvenil. O Instituto conta com o apoio de diversas empresas e pessoas físicas para desenvolver e manter seus programas. Saiba mais sobre os programas e as instituições beneficiadas em https://www.institutoronald.org.br .