Bloco Bittencá & Acolá terá participação da banda Àttooxxá na edição 2024

Sob o comando da cantora Flávia Bittencourt e com produção executiva de José Pinto, o bloco de carnaval Bittencá & Acolá está de volta às ruas de São Luís, esse ano tendo como palco o circuito da Av. Beira Mar, no domingo de carnaval (11.02) com concentração às 19h. A cantora promete uma apresentação prá lá de animada, interpretando um repertório com um repertório repleto de releituras em ritmos carnavalescos de músicas brasileiras dos anos 90 e clássicos do axé que não podem faltar no carnaval. O bloco Bittencá & Acolá deixa sua marca de alegria, conscientização e arte na avenida desde 2018, onde já se apresentaram convidados como Maria Gadú, Vanessa da Mata, Beto Ehong, Baré de Casco, Betto Pereira, entre outros. Após garantir a animação dos foliões maranhenses, Flávia embarca para o Rio de Janeiro para desfilar no carro principal da Estação Primeira de Mangueira a convite da conterrânea Alcione, que é a grande homenageada deste ano pela escola carioca. 

Flávia Bittencourt é uma cantora e compositora maranhense, nascida em São Luís. Seu primeiro trabalho, intitulado “Sentido” distribuído pela Som Livre, mescla a cultura popular, o pop, músicas nordestinas e composições próprias e foi indicado para o Grammy Latino e para o Prêmio TIM de Música. Flávia, além de cantora e compositora, é atriz. Participou do curta de Neville de Almeida chamado “Redenção” e do longa de Frederico Machado chamado “As Órbitas da Água”.

O primeiro álbum lançado por Flávia foi “Sentido”, seguido por “Todo Domingos”, uma homenagem à obra de Dominguinhos. Depois, vieram “No Movimento”, o DVD “Leve” e “Eletrobatuque”, gravado em 2018 com direção de Renato Falcão.  Recentemente, ela lançou a canção “Amouro”, com Carlinhos Brown, que integra o seu mais novo álbum, intitulado “Volitar”, foi a única artista brasileira selecionada na última edição do Festival Sanremo Sênior, na qual conquistou a primeira colocação cantando uma música totalmente em português de sua autoria, intitulada “Vazio”.

A artista é uma grande conhecedora e divulgadora da obra de João do Vale que nos chega para mostrar canções de seus conterrâneos, de sua autoria e também dos grandes mestres nascidos pelos confins brasileiros e do mundo. Estreou ao lado do pernambucano Ayrton Montarroyos o show “90 anos de João do Vale” com participação especial de Alaíde Costa, que já é sucesso de público e crítica em todo o Brasil.