VLI e Secretarias Meio Ambiente da região tocantina realizam visita técnica em viveiro de mudas do CESTE no município de Estreito

 
A VLI, companhia de soluções logísticas que integra ferrovias, terminais e portos, participou, junto às equipes das Secretarias Municipais de Meio Ambiente de Babaçulândia (TO) e Porto Franco (MA), de visita técnica, no dia dois de agosto, ao viveiro de espécies nativas do Consórcio Estreito Energia (CESTE), localizado na UHE Estreito, município de Estreito/MA. O objetivo foi conhecer a produção de mudas, além de aspectos ligados à preservação ambiental na região tocantina.
 
A cidade de Porto Franco, de acordo com o secretário adjunto, Pedro Rogério, pretende implantar uma unidade botânica. “Foi uma excelente oportunidade conhecer e trocar informações com quem já trabalha com as características ambientais da nossa região”, afirmou. Conforme explicou, a intenção da Secretaria é apresentar um projeto de implantação do viveiro, ainda este ano. 
 
Por meio do Programa de Educação Ambiental (PEA), a VLI incentiva práticas sustentáveis em municípios de influência. O trabalho é focado em atividades diversas, como a capacitação de pessoas para elaboração de projetos ambientais, criação de hortas comunitárias, a reciclagem de resíduos etc.
 
 
 Sobre a VLI
A VLI tem o compromisso de contribuir para a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para se trabalhar pela revista Você S/A, a VLI transporta as riquezas do Brasil por corredores logísticos que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.