Visitas técnicas da Feira de Negócios de Bacabal destacam potencial empreendedor da região do Mearim

Uma programação de visitas técnicas, organizadas durante a Feira de Negócios de Bacabal, evento realizado pelo Sebrae Maranhão entre os dias 26 e 28/10, revelou o vigor e a diversidade de negócios e de cadeias produtivas importantes da economia maranhense, que tem o interior como base produtiva.

Com o objetivo de dar visibilidade a esse dinamismo, durante a Feira, o Sebrae organizou uma série de visitas técnicas a empresas como o Gin Luar, conhecido como o primeiro gin genuinamente maranhense.

A empresa tem pontos de revenda na capital São Luís e em Imperatriz, e até envia a bebida para fora do estado, atraindo consumidores com preços atrativos e opção de bebida feita com ingredientes regionais. No entanto, apesar de fabricar o produto em Bacabal há dois anos, ainda é pouco conhecida na cidade.

O Gin Luar foi um dos quatro negócios do município a receber visitas técnicas durante a Feira, no segundo e terceiro dia do evento, acolhendo empreendedores, representantes de vendas, empresas, Agentes Locais de Inovação, além de equipes do Sebrae e representantes de parceiros da Feira.

Para a diretora de Administração e Finanças do Sebrae Maranhão, Edila Neves, que acompanhou a atividade, as visitas técnicas possibilitaram verificar de perto o grande potencial de Bacabal para o empreendedorismo. “Quando pensamos em realizar a feira, fizemos primeiro um trabalho de mapeamento de oportunidades no município, e identificamos essas empresas. ”, explicou a diretora.

Visibilidade – A farmacêutica Thalia Holanda, responsável técnica da produção do gin, conta que o engajamento do empreendimento na feira visou apresentar o gin oficialmente ao município. “Com essa participação, conseguimos captar novos clientes, conquistar eles, para que eles possam vir comprar mais vezes conosco, conhecer e valorizar o nosso produto, que é regional, genuinamente maranhense, feito com matérias-primas locais”, afirma.

Para a empresária Nathália Ribeiro, sócia de uma empresa de consultoria de alimentos em Bacabal, que também recebeu grupos de visitantes, o momento foi fundamental para ampliar a visibilidade de empreendimentos que atuam nas economias regionais. “Podem vir futuras parcerias. É muito importante ter esse momento de apresentação dos negócios que são referências nessas localidades”, afirmou Nathália.

A ação também deu espaço a quem pretende abrir um negócio. “Sei da importância das visitas técnicas para entrar no mercado e conhecer como é a realidade. A partir do momento que a gente vem aqui, visitar esses locais, e o Sebrae está oferecendo essa oportunidade, a gente consegue enxergar melhor o que acontece dentro da nossa realidade”, ressalta a engenheira civil Paula Tamires, de Bacabal.

Além da Gin Luar, a Aginutre, que desenvolve produtos para nutrição de animais, também recebeu grupos de visitantes. “Nós acreditamos na força do empreendedorismo e a feira representou uma vitrine de oportunidades. Ficamos felizes em apoiar a feira, mas também em receber uma parte do público nas nossas instalações de Bacabal, para mostrar um pouco da nossa história, dos nossos valores e dos nossos produtos”, destacou Davi Alves, gerente comercial da Aginutre.