Toyota do Brasil segue na liderança entre os veículos eletrificados mais vendidos no Brasil

A Toyota do Brasil celebra mais um ano a liderança nas vendas dos veículos eletrificados no País. Em 2023, a marca emplacou 21.873 unidades dos modelos Corolla Cross, Corolla sedã, RAV4, Camry e linha Lexus. O resultado coroa a estratégia da marca de antecipar tendências e oferecer ao mercado brasileiro veículos cada vez mais sustentáveis. 

Atualmente, a Toyota comercializa dois veículos com a tecnologia híbrida flex no Brasil; o Corolla Cross, que emplacou 12.115 unidades em 2023, e o Corolla sedã, com 7.885 unidades vendidas no mesmo período. Somados, são 20 mil veículos com a tecnologia híbrida flex comercializados em 2023. 

Os híbridos flex foram desenvolvidos com exclusividade para o mercado brasileiro com o objetivo de impulsionar a eletrificação da frota brasileira, e são produzidos em fábricas locais (Indaiatuba/SP e Sorocaba/SP), gerando emprego e renda em toda a cadeia de valor.

A companhia anunciou, em abril do último ano, o investimento de R$ 1,7 bilhão para a produção de um terceiro modelo híbrido flex em sua fábrica de Sorocaba (SP), reforçando o compromisso com a descarbonização do Brasil. O motor híbrido flex será produzido na planta de motores em Porto Feliz. 

Desde o lançamento da tecnologia híbrida flex em 2019, o volume de vendas já ultrapassa 70 mil unidades, o que corresponde a uma redução de 22 mil toneladas de CO2 na atmosfera. Essa significativa diminuição nas emissões demonstra o impacto positivo desses veículos na preservação do meio ambiente e na mitigação dos impactos dos gases de efeito estufa. 

Mudanças de mercado

O aumento nas vendas de veículos eletrificados tem sido expressivo no país, e a Toyota está avançando em sintonia com esse movimento. Desde o início da série histórica, em 2013, a companhia já comercializou mais de 86 mil veículos eletrificados, ou seja, 39% da frota leve de veículos eletrificados em circulação no país são Toyota ou Lexus (marca de luxo da companhia). Em 2023, o Corolla Cross foi o líder disparado em vendas de modelos eletrificados no mercado brasileiro, seguido pelo Corolla sedã. Os dois modelos são responsáveis por 33% de todas as vendas acumuladas de veículos eletrificados no Brasil.

Atualmente, o mercado se movimenta para o lançamento de novos veículos com a tecnologia híbrida flex e a Toyota vê essa tendência com otimismo, considerando que o inimigo é o carbono e não é o motor a combustão, e o país tem o etanol, combustível sustentável, disponível em todo o território nacional. 

“A tecnologia híbrida está transformando o jogo, e a Toyota está na vanguarda desse movimento. Estamos sempre atentos à inovação, investindo para trazer soluções de mobilidade sustentável e que correspondam com as necessidades dos nossos clientes e o contexto de cada país”, comenta Rafael Chang, presidente da Toyota do Brasil.

Pioneirismo

A Toyota está em constante movimento. Em 2013, a fabricante lançou o primeiro veículo híbrido do Brasil, o Toyota Prius, contribuindo para que o País entrasse na era da eletrificação. Em 2019, a companhia passou a oferecer o único híbrido flex do mundo – fabricado com exclusividade no país – o Corolla Sedã. Em 2021, reforçou o DNA sustentável ofertando o primeiro SUV híbrido flex do mercado, o Corolla Cross, também fabricado no Brasil. 

O desenvolvimento da tecnologia híbrida flex é o resultado do esforço para encontrar uma sintonia entre três motores (dois elétricos e um à combustão), que atuam de forma integrada. Eles autogeram sua energia (não precisam ser plugados na tomada) e chegam a emitir 70% menos de CO2 na atmosfera em comparação com um veículo a gasolina. 

“Na Toyota, assumimos o compromisso de oferecer opções de mobilidade sustentáveis e de alta qualidade aos consumidores brasileiros. Acreditamos no potencial do Brasil para se destacar globalmente na descarbonização, especialmente com o etanol, impulsionando não apenas a sustentabilidade, mas também o progresso social e econômico. Os híbridos flex são a prova disso”, afirma Rafael. 

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

A divulgação deste material colabora diretamente para os seguintes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)ONU: