.

SENAI certifica operadores de usina térmica em parceria com a Eneva

 A parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI-MA) e a Eneva visa capacitar mão de obra que atualmente não está disponível no mercado: operadores de usina térmica. Foram formados 18 profissionais na última terça (24/01), entre eles três mulheres.  

O gerente de operações da Eneva, Carlos Roberto Castilho Junior, explicou que não há um curso específico para os profissionais que desejam atuar na área. “Daí a necessidade de capacitar mão de obra local. Isso é um benefício para a sociedade de São Luís e para a empresa, que tem mão de obra qualificada à disposição”, disse Carlos Castilho.  

Dos 18 formandos, cinco foram selecionados para finalizar a capacitação dentro da Usina de Itaqui. Os demais profissionais ficam ‘mapeados’ para oportunidades futuras em São Luís ou mesmo fora do estado, pois a Eneva está em expansão em nível nacional com usinas também em Fortaleza e em Manaus.  

Jéssica Rocha Siqueira foi uma das alunas certificadas no curso de operador de usina térmica. Ela conta que viu no curso uma oportunidade de aprendizado e de inserção no mercado de trabalho. “Não acho que essa área seja masculina ou feminina. É uma área para quem quer trabalhar na geração de energia, que tem interesse em obter conhecimento e poder voar mais alto”, destacou Jéssica, que é engenheira eletricista.  

A coordenadora de Educação Profissional, Tecnológica e Inovação do SENAI-MA, Luciene Marzano, falou da satisfação na parceria com a Eneva e de chegar ao momento de certificação da turma. “Essa capacitação abre novas possibilidades para que os formandos continuem em busca de mais conhecimento e de aperfeiçoamento profissional”, finalizou.