Rumo aos Estados Unidos, equipe do SESI-MA se prepara para o Campeonato Mundial de Robótica em Houston

SÃO LUÍS- A Escola SESI São Luís se destaca no ensino de robótica, evidenciado pela conquista da equipe maranhense Everest na modalidade First Tech Challenge (FTC). A equipe garantiu uma vaga para o FIRST Championship, o mundial da robótica, após conquistar o 2º lugar no prêmio Inspiração, um dos mais importantes da FTC, no Festival de Educação SESI 2024, realizado em Brasília, em março. Esta é a primeira vez que uma equipe do Maranhão alcança tal feito, um marco significativo para o estado.

Diogo Lima, Superintendente Regional do Serviço Social da Indústria (SESI-MA) expressa orgulho pela equipe Everest, enfatizando sua capacidade de lidar com a diversidade e competir em alto nível. Ele destaca o compromisso em promover um ambiente inclusivo na robótica.

“Pessoalmente fiquei bem emocionado com o resultado da Everest. É uma equipe que têm pessoas acolhedoras e com a capacidade de lidar com a diversidade que tem dentro do SESI. Ver essa equipe disputando em altíssimo nível na arena, passando nas avaliações, nos deixa orgulhosos e demonstra a capacidade e a possibilidade de trabalhar ainda mais fortemente esse acolhimento a vários perfis distintos dentro da robótica”, destaca Diogo Lima.

Desde o retorno da equipe ao Maranhão, estão sendo realizadas reuniões diárias e organização documental para a viagem para participar do campeonato mundial. Com menos de um mês para a competição, os alunos do SESI-MA estão determinados a destacarem-se entre equipes de todo o mundo, enquanto a entidade continua fornecendo todo o suporte necessário para garantir seu sucesso no cenário internacional.

“A Equipe Everest conquista essa colocação de grande importância para eles como equipe, e para nós do SESI. A nossa gestão cuida para que esses alunos tenham um bom desenvolvimento pessoal, e utilizamos a robótica como uma ferramenta para prepará-los para o futuro, inclusive profissionalmente”, ressalta Cristina Cunha, gerente da Escola SESI São Luís.

O impacto da robótica do SESI também é evidenciado no crescimento pessoal dos alunos, como testemunha Keila Diniz, mãe de uma das integrantes da equipe Everest. “Ela sempre amou a área de exatas, eletrônicos, computação. E isso a deixava muito introvertida e tímida. A timidez ela perdeu totalmente e agora é extrovertida e a robótica despertou nela um espírito de liderança. Ela resolve os próprios problemas e se tornou independente. Eu agradeço primeiro a Deus, ao SESI e à robótica por ter despertado isso nela”, declara a mãe da competidora Lara Diniz, da Equipe Everest.

Além do crescimento pessoal, os alunos se preparam para o desafio mundial aprimorando suas habilidades técnicas e estratégicas. Eles melhoram o inglês para apresentações técnicas, aperfeiçoam portfólios e revisam estratégias, enquanto o SESI-MA oferece suporte integral, elevando os padrões de desempenho em todas as áreas necessárias.

“Faz três anos que estamos indo para o torneio nacional e buscando essa vaga para Houston, e agora, conseguimos por termos além do robô bonito, supereficiente. Tínhamos uma das menores equipes do torneio nacional, com 7 pessoas, e agora, para o mundial estamos confiantes que melhorando nossas técnicas podemos alcançar esse prêmio para Maranhão e para o Brasil”, declara Pablo Aymar, um dos pilotos do robô da equipe Everest da escola SESI São Luís. 

FIRST CHAMPIONSHIP HOUSTON – Organizado pela FIRST ®o FIRST Championship é um evento internacional da temporada de competições juvenis de robótica e uma celebração anual da ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEAM). A FIRST Championship acontecerá de 17 a 24 de abril, em Houston, no Texas (EUA).