O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

Prefeitura inicia vacinação da segunda dose contra Covid-19 em idosos institucionalizados de São Luís

A Prefeitura de São Luís, em uma ação conjunta da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) e a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), iniciou, nesta sexta-feira (12), a aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 em idosos de casas de acolhimento da capital, tanto municipais quanto estaduais e privados. No total, 165 idosos receberão a vacina, entre os quais, 142 pela segunda vez, atingindo a imunização completa, e os outros 23, recebendo a primeira dose, por serem idosos recém-acolhidos.

O primeiro abrigo visitado pelas equipes de assistência social e de saúde, foi a Instituição de Longa Permanência para Idosos Municipal de São Luís Lar Calabriano, localizado no bairro Olho d’Água, agora está com todos os seus 13 moradores completamente imunizados. Os idosos fazem parte do público prioritário definido pelo Ministério da Saúde e a logística de imunização segue o previsto no Plano Municipal de Vacinação, anunciado pelo prefeito Eduardo Braide desde o início da campanha.

A secretária da Semcas, Rosângela Bertoldo, e a primeira-dama e voluntária da assistência social, Graziela Braide, acompanharam a ação, que transcorreu sem intercorrências.

“Temos percebido, desde a aplicação da primeira dose da vacina, que os idosos e pessoas com deficiência acolhidas nos abrigos, estão sendo muito receptivos à vacina, não apresentando resistência. Isso é muito positivo e nos dá um gás a mais para seguirmos executando a estratégia do prefeito Eduardo Braide para imunizar a todos”, destacou a titular da Semcas.

Para a primeira-dama, mesmo com a aplicação da segunda dose da vacina, o momento é de redobrar os cuidados com as medidas sanitárias.

“Mesmo com a imunização completa, todos eles ainda precisam continuar seguindo as medidas sanitárias, usando máscara, higienizando as mãos com água e sabão ou com álcool em gel. Essa imunização é muito importante para que a gente consiga atravessar esse momento pelo qual a cidade e o resto do mundo estão passando. E os nossos idosos, principalmente os acolhidos, são os mais frágeis, os que correm riscos mais graves, por isso a imunização deles é muito importante. Acompanhar pessoalmente o que está sendo feito aqui em São Luís é uma conquista muito grande para todos”, destacou Graziela Braide.

Feliz por ter recebido a segunda dose da vacina contra a Covid-19, Edson Costa, de 86 anos, disse que espera o momento em que todos estejam vacinados. “Estou muito feliz, receber mais essa dose nos deixa mais seguro, pois explicaram que a gente só estaria imunizado depois que recebesse a segunda dose. Espero que logo todos possam viver esse momento que eu e meus companheiros estamos vivendo”, ressaltou.

Além dos idosos da Instituição de Longa Permanência para Idosos Municipal de São Luís Lar Calabriano, os moradores da Casa Happy São Luís também receberam a segunda dose da vacina contra a Covid-19 nesta sexta-feira (12). Nos próximos dias, a vacinação com a segunda dose será feita no Recanto do Aconchego, Lar Bela Vida, ILPI Solar do Outono, Associação das Senhoras de Caridade de São Vicente de Paulo e o Asilo de Mendicidade de São Luís.