.

Prefeitura de São Luís entrega enxovais a mães de várias comunidades da cidade

A primeira-dama, Graziela Braide, acompanhou na manhã deste sábado (17), a Secretária Rosângela Bertoldo na entrega de enxovais realizada pela Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), em parceria com a Cruz Vermelha do Maranhão. “Fico muito feliz em poder participar de ações humanitárias como essa, não só por ser voluntária da Semcas, mas por ser mãe e médica e constatar que tem muita gente somando forças para melhorar a vida das mulheres de nossa cidade”, declarou Graziela Braide.

A primeira entrega aconteceu na Associação dos Moradores da Ilhinha, onde 25 gestantes receberam os kits referentes ao Benefício Eventual Auxílio Natalidade, que contém fraldas descartáveis (2 pacotes); rede infantil (1); camisas (6); bolsa (1); mosquiteiro (1); calça enxuta (1); fronha (2); lençol-luva (2); toalha-fralda (2); trocador (1).

Na Liberdade, outras 12 mulheres grávidas também receberam kits. Flávia Cristina Martins, dona de casa de 43 anos e grávida de nove meses, foi uma das beneficiadas. “Essa ajuda é muito bem-vinda, principalmente nesse período em que estamos sem poder trabalhar e a vida está muito difícil, mas com essa ajuda já posso ficar mais tranquila”, afirmou a futura mamãe.

Já no Residencial José Reinaldo Tavares, na Cidade Olímpica, foi a vez de mais 35 mães da comunidade serem contempladas com os enxovais. “Vai ajudar muito, pois não estou trabalhando”, comemorou a estudante Jeisilene Ferreira, grávida de cinco meses do primeiro filho.

A última ação do dia aconteceu na Vila Romário, também na região da Cidade Olímpica. Na sede da Associação Beneficente de Moradores, 30 mamães receberam com alegria alguns dos itens essenciais para a chegada de seus bebês. 

A titular da Semcas, Rosângela Bertoldo aproveitou para orientar as mulheres ainda não atendidas pelas políticas públicas de assistência, a procurarem os Centros de Referência e Assistência Social (CRAS) de seus territórios e efetuarem seus cadastros. “O kit enxoval é ofertado a todas as mulheres assistidas pelos CRAS, mas resolvemos estender o benefício para garantir que as mães que ainda não são atendidas possam receber essa ajuda nesse momento tão importante que é a chegada de um filho”, destacou a secretária municipal.

Em todos os locais por onde passaram foi ressaltada a importância da união de uma política social pública e de uma política humanitária reconhecida no mundo. “O mais importante disso tudo é a mensagem que estamos passando para essas mulheres, dizendo a elas que não estão sozinhas, que são lembradas e que elas possam se sentir acolhidas”, frisou Carlos Rangel, presidente da Cruz Vermelha Maranhão e membro do Conselho Nacional da Cruz Vermelha.

A coordenadora municipal de mulheres, Luzimar Lopes, também destacou a necessidade de se fazer presente nas comunidades. “Estamos reforçando a importância de políticas públicas voltadas para as mulheres e, assim, garantir seus direitos mais básicos”, finalizou a coordenadora.