Polícia Civil apreende drogas e armas em operações no interior e capital

Durante esta semana, a polícia realizou operações que resultaram em apreensão de drogas e armas, além de prisão por tráfico de drogas. Os itens apreendidos ultrapassam os R$ 18 mil, incluindo um fuzil considerado de alto calibre. O resultado é fruto de operações das Superintendências Estaduais de Investigações Criminais (Seic) e de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), com apoio da Polícia Militar e do Centro Tático Áereo (CTA).

No Terminal da Ponta da Espera-Cujupe, em São Luís, na quinta-feira (30), a polícia realizou abordagens e prendeu em flagrante suspeito de tráfico de drogas. Durante vistoria em um veículo modelo Fiat Palio, que estava no terminal, a polícia encontrou um compartimento oculto acima do porta-luvas. No local, mais de meio quilo de cocaína, uma porção de crack, balança de precisão e outros itens usados no tráfico de drogas. A droga, avaliada em R$ 18 mil, seria distribuída na cidade de Pinheiro. 

O condutor do veículo, um homem de 25 anos, assumiu a propriedade dos objetos apreendidos. “Nessa abordagem foi detido suspeito que estava com considerada quantidade de drogas e característica de tráfico. Essa operação teve como finalidade combater o transporte de armas de fogo e de substâncias entorpecentes no trajeto ao terminal”, pontuou o titular da Seic, delegado Armando Pacheco. O trabalho contou com cães farejadores do setor de cinofilia da Senarc.

Em outra operação, entre os dias 27 a 29 de julho, no povoado Tabocal, cidade de Tuntum, os policiais apreenderam armamentos e itens que seriam utilizados em roubo à banco. A polícia apreendeu vários pedaços de ferros pontiagudos, chamados de ‘miguelitos’ que são usados pelos assaltantes para espalhar nas estradas e furar pneus de viaturas. “Com estes itens eles impedem a passagem da polícia e assim ganham tempo para fuga”, explica o delegado Armando Pacheco.

Em armas, a operação apreendeu duas espingardas calibre 12; um fuzil calibre 5.56; e diversas munições calibre 12 e 40. O alvo do assalto a banco, segundo as investigações da polícia, seria a cidade de Formosa da Serra Negra. A operação teve apoio da Polícia Militar e do Centro Tático Aéreo (CTA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *