Parceria entre Duarte Jr e Golden Shopping garantiu um Natal especial para crianças autistas

No dia 23 de dezembro, uma parceria entre o deputado estadual Duarte Jr e o Golden Shopping proporcionou um Natal de inclusão e respeito para crianças com transtorno do espectro autista (TEA) e suas famílias em São Luís. O shopping abriu uma hora mais cedo, para que as crianças pudessem conhecer o Papai Noel em um ambiente mais tranquilo e acolhedor, o que é recomendado para quem possui TEA.

Resultado de mandato participativo, a ideia do Natal especial para crianças com TEA surgiu de diálogo entre Duarte Jr e Daniel Martins, pai de uma criança autista, que procurou o deputado por meio das redes sociais. “Na hora que ele mandou a mensagem eu pensei ‘que ideia fantástica, vamos fazer’!”, informou Duarte.

Daniel afirmou que o evento foi a realização de um sonho. “Tentei em outros shoppings e não consegui. Duarte conseguiu essa parceria em uma manhã. Isso é muito importante pra essas crianças”. Ele ressaltou também que a inclusão de crianças com TEA pode ser ainda maior. “Na Páscoa, Natal, Carnaval, você não vê essas crianças participando, não existe essa sensibilidade dos shoppings, porque algumas não conseguem ficar em fila e o som incomoda demais. Espero que aconteça mais vezes e que outros shoppings também tenham essa visão”, avalia Daniel.

Florilene França aprovou a iniciativa – ela levou seu filho Gabriel, que se divertiu bastante. “Esse evento tá sendo muito bom, porque a inclusão hoje em dia tá sendo algo muito difícil, e é bom poder trazer nossas crianças quando tem pouco movimento e pouca gente, porque nem sempre [em horário normal] eles têm a oportunidade de chegar perto porque tem muita gente ao redor e tudo isso interfere no lado sensorial”, explicou França.

O deputado participou da recepção no shopping às crianças e suas famílias, ocasião em que aproveitou para anunciar a entrega de uma ambulância para a Associação dos Amigos do Autista do Maranhão (AMA), conquista assegurada por Duarte para as pessoas com TEA a partir de diálogo com o secretário estadual de Esporte, Rogério Cafeteira.

“A gente sabe das dificuldades que vocês têm para se transportar de um local a outro, de ir e vir para fazer suas consultas e tratamentos. Com minhas emendas, em fevereiro nós vamos entregar uma ambulância para que a AMA possa ter condições de melhor desempenhar suas funções”, informou Duarte.

Telma Nascimento, diretora da AMA, falou sobre a importância da inclusão para uma maior socialização de crianças com TEA. “Esse é um ambiente de convívio social que tem muitos distratores, que são cores e sons que podem incomodar os autistas. Eles se regulam com o ambiente à medida que são expostos e estar aqui faz quem eles se acostumem e permaneçam por mais tempo. Hoje veio um garoto que ficou aqui por 15 minutos, mas ele nem saía de casa. Assim, nesses momentos, de forma gradativa eles vão se adaptando e saindo da clausura”, explicou Telma.

Opinião compartilhada por Darli Machado, secretária da AMA. “A gente tem que mostrar pra sociedade que as crianças com TEA não vão viver mais em confinamento. As pessoas dizem que eles vivem no mundo deles, mas eles vivem em nosso mundo e é de fundamental importância que eles apareçam”, afirmou Darli.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.