Ouvidor do Poder Judiciário promove primeira reunião presencial com servidores da Ouvidoria e do Telejudiciário

O Ouvidor do Poder Judiciário do Maranhão, desembargador Kleber Costa Carvalho, reuniu-se, pela primeira vez, de forma presencial, com as equipes da Ouvidoria e do Telejudiciário, nessa terça-feira (7).

Na ocasião, o Ouvidor manifestou o desejo de dar continuidade aos projetos já desenvolvidos, destacando a importância de cada um deles, além de manter a Instituição próxima da população, acolhendo os anseios dos cidadãos e oferecendo-lhes efetiva oportunidade de participação.

Em virtude do atual cenário mundial por conta da pandemia, foi vislumbrado o desenvolvimento do projeto “Ouvidoria Online”, cujo objetivo é continuar prestando atendimento à população das Comarcas do Interior, nos moldes do projeto “Ouvidoria Itinerante”, todavia por ambientes virtuais, respeitando-se as medidas se segurança necessárias para prevenção da Covid-19.

Na reunião, também foi discutida a necessidade de regulamentação do organograma da Divisão da Ouvidoria, que não possui um quadro próprio.

Como ato contínuo, houve prestação de contas pela Coordenadora da Ouvidoria, quanto às atividades desenvolvidas no 1º semestre de 2020.

ATENDIMENTO

Quanto à retomada das atividades presenciais, ficou estabelecido que o atendimento presencial da Ouvidoria retornará a partir do dia 13 de julho, ficando restrito às segundas, quartas e quintas-feiras e ocorrerá no horário de 8h às 12h.

Por fim, o desembargador Kleber Costa Carvalho agradeceu a equipe e demonstrou seu compromisso em aprimorar na nova gestão os serviços prestados pela Ouvidoria, fomentando o seu desenvolvimento.

TELEJUDICIÁRIO 

Em reunião com a equipe do Telejudiciário, o Ouvidor mostrou-se solícito e aberto às necessidades dos servidores em relação às demandas de trabalho. Os servidores agradeceram ao ouvidor pela oportunidade.

Durante o encontro, o chefe da Divisão, Fábio Martins, apresentou as estatísticas de atendimento a partir de 16 de março, data em que foi interrompido o atendimento presencial nas unidades judiciais em razão da pandemia. Ressaltou que o atendimento ao público através do canal do 0800 não foi interrompido, e que este se fazia em forma de revezamento, com um servidor pela manhã e outro à tarde, presencialmente no Fórum de São Luís.

Este mês, com o retorno gradual às atividades presenciais, o call center funciona com quase 50% dos servidores no atendimento, em forma de revezamento, obedecendo às normas de segurança e distanciamento. Até a presente data, o Telejudiciário já realizou 3.321 atendimentos no período do Plantão Extraordinário.

Fabio Martins informou o quantitativo de servidores no atendimento call center e na supervisão, explicando ao desembargador todo o funcionamento da divisão.

O último assunto tratado foi em relação à implantação do novo sistema Iteract da empresa Dígitro, uma atualização do sistema atual Easycall (utilizado pelos atendentes no call center), e que permitirá uma maior interatividade com os usuários, através de diversos canais, tais como atendimento via chat, whatsapp, grupo público no telegram e-mail e redes sociais, além do atendimento telefônico.

CONTATOS – Para contato com a Ouvidoria e o Telejudiciário, os usuários podem acessar os seguintes canais:

Ligar para os telefones (98) 3194-5555 e 0800-7071581 (Call-Center/Telejudiciário); celular institucional da Ouvidoria (98) 98880-5251; acessar o formulário eletrônico no site do Tribunal de Justiça através do link  https://sistemas.tjma.jus.br/attende/xhtml/frmAvisoOuvidoria.jsf; encaminhar e-mail para ouvidoria@tjma.jus.br; enviar mensagens via aplicativo Whatsapp para os telefones (98) 3194-5849/ 3194-5854/ 3194-5851/ 3194-5838, no aplicativo Whatsapp Business, os quais passarão a receber ligações convencionais a partir de 13.07.2020; baixar o aplicativo móvel “Ouvidoria TJMA”, nas lojas virtuais de aplicativos; presencialmente, na sede da Ouvidoria, atendidos os requisitos necessários.

A coordenadoria da Ouvidoria, Lilian Barros, informa que todos os serviços prestados pelo setor podem ser realizados pelas vias eletrônicas e telefônicas acima listadas, não havendo atendimento ou serviço que seja exclusivamente realizado de modo presencial. “Recomendamos aos usuários que as vias virtuais sejam priorizadas, neste momento, em razão da necessidade de adoção de medidas de prevenção ao novo coronavírus”, frisou. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.