Junior Achievement Maranhão aplica Programa “Meu Dinheiro. Meu Negócio” durante Projeto Arte que Rende no Estaleiro Escola em São Luís

A Junior Achievement Maranhão (JAMA) – Organização Não-Governamental (ONG), que trabalha com a formação empreendedora entre os jovens, por meio de ações sociais em escolas públicas e privadas – marcou presença nas atividades do Projeto Arte que Rende desenvolvido pelo Estaleiro Escola de São Luís. Na ocasião, a organização sem fins lucrativos contribuiu para o desenvolvimento de habilidades financeiras através do seu programa “Meu Dinheiro Meu Negócio” para uma turma de jovens na faixa etária entre 14 a 16 anos da comunidade Tamancão.

O Estaleiro Escola, conhecido por seu compromisso em oferecer oportunidades educacionais e práticas, recebeu o diretor executivo Junior Achievement Maranhão, Saulo Nunes, que compartilhou conhecimentos com os participantes do Projeto Arte que Rende, por meio do qual receberam aula sobre reciclagem de material e criação de produtos reciclados. O programa “Meu Dinheiro Meu Negócio” da JAMA tem como objetivo capacitar indivíduos a gerenciar eficientemente suas finanças no contexto de um empreendimento próprio.

Durante a atividade, os alunos foram introduzidos a conceitos fundamentais de gestão financeira, incluindo orçamento, controle de despesas, precificação de produtos e estratégias para impulsionar o crescimento sustentável dos negócios. A abordagem prática da Junior Achievement permitiu que os participantes aplicassem imediatamente os conhecimentos adquiridos às suas próprias iniciativas no Projeto Arte que Rende.

O diretor executivo da JAMA, Saulo Nunes, expressou sua satisfação com a parceria, destacando a importância de promover a educação empreendedora para capacitar os jovens a alcançarem o sucesso em suas jornadas profissionais. “Estamos comprometidos em fornecer ferramentas práticas que capacitam os alunos a enfrentarem os desafios financeiros de seus negócios, como a importância de fazer um orçamento, garantir uma sustentabilidade a partir da renda gerada com a venda dos produtos”, explica Saulo.