Governo completa um ano de fiscalizações em combate à pandemia com ações da Vigilância Sanitária

A Vigilância Sanitária Estadual completou, nesta quarta-feira (17), um ano de fiscalizações em combate à pandemia. O trabalho do órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (SES) começou antes mesmo da confirmação do primeiro caso no estado do Maranhão. Ao longo de um ano, foram realizadas 6.798 ações, que seguem sendo executadas. Nesta quarta-feira, as equipes da Superintendência de Vigilância Sanitária (Suvisa) vistoriaram estabelecimentos na região Itaqui-Bacanga e na Cidade Operária. 

O chefe do departamento dos serviços de saúde da Suvisa, João Nery, acompanhou as vistorias. “Esse trabalho é necessário pois as pessoas acabaram relaxando, não estavam cumprindo as medidas sanitárias na íntegra. E nossas ações estão reforçando essa necessidade visto os dados epidemiológicos que nós temos em relação ao número de pessoas que estão adoecendo e necessitando de leitos de UTI. Por isso, pedimos o apoio de todos, da população e dos comerciantes”, afirma João Nery. 

Na operação ocorrida na tarde desta quarta, foram vistoriados estabelecimentos comerciais, visando o cumprimento das medidas sanitárias, como disponibilização de álcool em gel, distanciamento, uso de máscaras, entre outras. E também o cumprimento do Decreto Estadual nº 36.582, que suspende o funcionamento de bares e restaurantes, no período de 15 a 21 de março. 

Atualmente, 20 equipes trabalham diariamente na Região Metropolitana da Ilha de São Luís, para cumprimento dos decretos estaduais, estão sendo realizadas fiscalizações também no município de Imperatriz. As ações são realizadas em parceria com as Vigilâncias Sanitárias Municipais, Polícia Militar, Bombeiros Militares e o Procon.  

Enfrentamento à Covid-19

Desde o início das fiscalizações de enfrentamento ao novo coronavírus, em 17 de março de 2020, a Vigilância Sanitária Estadual realizou 6.798 ações. Ao longo de um ano, foram lavrados 5.721 Termos de Fiscalizações; 1.201 Termos de Intimação, exigindo o cumprimento de diretrizes sanitárias de enfrentamento à Covid-19; 217 Autos de Infração, 60 multas e 16 interdições sanitárias de estabelecimentos reincidentes ou que se recusaram a cumprir o decreto estadual. 

O superintendente da Suvisa, Edmilson Diniz, destaca que durante todo esse ano o órgão manteve uma agenda constante de trabalho, visando a orientação do setor produtivo do Maranhão, assim como da sociedade maranhense, em busca de implementação de protocolos que permitissem a contenção efetiva da disseminação do novo coronavírus. 

“Nesse sentido, as nossas equipes de fiscalização trabalharam na orientação para a implementação desses protocolos, além de coibir as irregularidades que estavam sendo encontradas nos territórios que estavam sendo monitorados”, ressaltou o superintendente Edmilson Diniz.