Diretoria de Saúde da Assembleia orienta e monitora servidores com suspeita de Covid-19

A  Assembleia Legislativa do Maranhão, por meio da Diretoria de Saúde e Medicina Ocupacional, está acompanhando os servidores da Casa, que estão com suspeita ou foram acometidos pela Covid-19. O monitoramento do quadro clínico está sendo feito por uma equipe multiprofissional, com o intuito de garantir assistência médica a esses servidores, neste momento crítico de enfrentamento da pandemia do novo coronavirus.

O diretor de Saúde da Alema, Dr. Costa Junior, explicou que, desde quando começaram a aparecer os primeiros casos suspeitos entre funcionários da instituição, o procedimento inicial  adotado foi o aconselhamento, no sentido de orientar esses servidores para manterem o isolamento tanto do ambiente de trabalho, quanto dos seus familiares e de outras pessoas. A partir daí, o setor  inicia o monitoramento clínico.

Costa Jr. ressaltou,  ainda, que a Assembleia tem tentado ao máximo atender os servidores, principalmente, para que não haja a automedicação ou um quadro de pânico muito grande, o que agrava a situação.

“É importante que eles utilizem os serviços que disponibilizamos mesmo a distância, seja por telefone ou WhatsApp, para que consigamos ajudar o máximo de pessoas possíveis”, frisou.

Segundo ele, a equipe que realiza esse acompanhamento é composta por duas médicas, sendo uma geriatra e outra endocrinologista; nutricionista, fisioterapeuta e uma psicóloga, além de uma pessoa do administrativo.

“Nós fazemos o contato com a pessoa que supostamente esteja com Covid e ficamos acompanhando seu quadro. Ao sair o resultado dos exames, caso seja positivo, nós intesificamos o monitoramento, e quando testa negativo nós liberamos a pessoa desse acompanhamento”, explicou.