O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

Daniel Oliveira propõe a criação de aplicativo para atendimento remoto de pacientes com a Covid

Na sessão extraordinária da última quarta-feira, 30, o vereador Daniel Oliveira (PL) apresentou o requerimento 1027/21, solicitando ao Prefeito de São Luís e a Secretaria Municipal de Saúde de São Luís (SEMUS), que seja criado um aplicativo de teleconsulta para atender os pacientes com a Covid-19.
Daniel Oliveira afirmou que a medida já foi implantada em Recife, capital do Estado de Pernambuco, e oportunizou a realização de mais de 100 mil atendimentos em um mês, sem a necessidade dos pacientes se deslocarem aos postos de atendimento.

“Precisamos garantir atendimento aos pacientes acometidos de Covid e ao mesmo tempo assegurar a saúde dos nossos profissionais e da comunidade em geral. Por isso, fizemos essa solicitação ao observarmos como em Recife a iniciativa deu certo. Queremos aumentar a nossa capacidade de atendimento e diminuir a propagação do vírus em nossa cidade. Com mais pessoas sendo tratadas de forma adequada, mais segura a nossa população estará”, argumentou Daniel Oliveira.

Funcionamento do aplicativo
Segundo Daniel Oliveira, a ideia é que o aplicativo funcione diariamente, enviando por duas semanas mensagens do estado de saúde ao paciente acompanhado. Disse também, que as teleconsultas em vídeo, serviriam para avaliação do paciente que poderá ser tratado em casa, ou na unidade hospitalar, de acordo com seu estado clínico.

“Essa inovação tecnológica traria a possibilidade das pessoas acometidas por Covid em São Luís, de serem atendidas e acompanhadas por um médico durante todo o tratamento da virose”, disse o vereador.

Vacinação em São Luís
Segundo a Prefeitura de São Luís, até o momento já foram aplicadas mais de 739 mil doses de vacina contra Covid-19, sendo 614 mil na primeira dose, e 125.327, em segunda dose. No total, a prefeitura já recebeu 763.181 doses de vacina. Estão incluídas nesse número, as vacinas que serão aplicadas na segunda dose e que aguardam os dias agendados para a aplicação adequada do imunizante.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde do Maranhão, já são 317.446 casos de Covid-19 confirmados no estado. O número de óbitos já passa de 9 mil.