Campanha do TJMA alerta para riscos da obesidade infantil

O alerta vem logo na apresentação: a obesidade infantil tem crescido muito nos últimos anos e pode desenvolver várias outras doenças durante a adolescência e fase adulta. Daí o fato de ter sido escolhida como um dos temas de saúde pública da campanha do Tribunal de Justiça do Maranhão de prevenção a doenças, acompanhada de uma cartilha sobre o assunto.

A cartilha Obesidade Infantil, de autoria da pediatra Luciana Gama Vaz e elaborada pela equipe da Divisão Médica do TJMA, explica a importância de identificar e tratar crianças com sobrepeso e obesidade, visando prevenir vários problemas na vida adulta.

Por sobrepeso e obesidade entende-se quando há desproporção entre peso e altura. Esta relação é chamada de Índice de Massa Corpórea (IMC). De acordo com a cartilha, como as crianças estão em fase de crescimento, não se aplica a elas um valor fixo de IMC, sendo usadas tabelas por sexo e idade. Considera-se sobrepeso, aquelas que estão acima do percentil 85; e obesidade, acima do percentil 95.

COMORBIDADES

Segundo a cartilha de autoria da pediatra, uma revisão recente, do ano passado, identificou prevalência de 14,1% de obesidade entre crianças e adolescentes brasileiros. Já entre crianças menores de 2 anos de idade, 6,5% foram identificadas com sobrepeso e/ou obesidade.

A médica explica que, com um maior número de crianças obesas, tem aumentado a prevalência de doenças associadas ao excesso de peso na idade adulta, como dificuldade para dormir (apneia do sono), diabetes tipo 2, pressão alta, colesterol alto, maior risco de infarto, entre outros.

A profissional do TJMA descreve fatores que influenciam fortemente no ganho de peso; revela itens que podem influenciar na microbiota intestinal do bebê, fazendo-o ter maior predisposição à obesidade; e aponta caminhos que vão desde a prevenção, quando o bebê ainda está no útero da mãe, passando depois pelo aleitamento, mudança no estilo de vida e o uso de medicamentos, para casos mais severos.

CARTILHA

O conteúdo completo da cartilha ilustrada sobre obesidade infantil está disponível AQUI ou no anexo, ao final da matéria.


PROMOÇÃO DA SAÚDE

A equipe da Divisão Médica do Tribunal elaborou informações sobre doenças mais frequentes na população brasileira, com o propósito de contribuir para a promoção da saúde dos servidores, magistrados do Judiciário estadual e seus dependentes.

A campanha está sendo divulgada por e-mail, contendo cartilhas anexadas, para todo o público interno, a partir da análise dos exames anuais de saúde destas pessoas, e passou a ser compartilhada para o público em geral, pelo site e pelas redes sociais do Tribunal de Justiça do Maranhão, para que todos os leitores tenham acesso às informações.

OUTRAS CARTILHAS 

As quatro primeiras cartilhas divulgadas foram sobre Diabetes Mellitus, Hipertensão, Obesidade e Dislipidemia. A chefe da Divisão Médica, Keila Lígia de Melo, explica que todos os médicos do setor estão preparando textos sobre doenças prevalentes na população. 

A intenção da equipe da Divisão Médica é expandir o conhecimento sobre saúde e promover maiores níveis de prevenção a doenças crônicas, tais como diabetes, hipertensão, colesterol alto e outras doenças cardiovasculares, para que todos os servidores e magistrados possam desfrutar de um maior nível de qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.