Brandão busca investimentos em energias renováveis e no turismo durante missão na Espanha

Em Madri, na capital da Espanha, durante missão para participar da Fruit Attraction 2023, Carlos Brandão aproveitou a ocasião, nesta quarta-feira (4), para estabelecer conexões com empresários do setor de energias renováveis do país, a exemplo da empresa Iberdrola, que é uma das líderes globais em energia limpa, redes e armazenamento. Na oportunidade, o governador se reuniu com a direção da Organização Mundial do Turismo para as Américas.

A visita de Brandão à Iberdrola trata-se de uma estratégia importante para a promoção do desenvolvimento sustentável no Maranhão, para a atração de investimentos, criação de empregos e renda, além de fortalecer o movimento da redução das emissões de carbono e a infraestrutura energética local.

Na ocasião, o governador maranhense pôde apresentar as potencialidades do estado, que tem destaque pelo seu vasto litoral propício para a geração de energia eólica. Além disso, Carlos Brandão enfatizou a questão das bacias ricas em recursos hídricos e o sistema logístico com portos, estradas e ferrovias que facilitam o transporte de insumos e produtos.

“Aproveitamos para vir conhecer projetos de energias renováveis,  a exemplo da solar, eólica, e o hidrogênio verde com a geração de amônia, que é o futuro do nosso Brasil e do mundo. Aqui na Iberdrola, uma das maiores empresas do mundo na geração de energias renováveis, estamos mostrando as oportunidades e o potencial de nosso estado para receber investimentos para geração de emprego e renda. Então, é o Maranhão, mais uma vez, no protagonismo na atração de investimentos e oferta de segurança política e jurídica para instalações no nosso estado”, ressaltou o governador.

Empolgada em receber a visita do governador maranhense, Ana Valentín-Gamazo Valle, gerente de Desenvolvimento de Negócios Globais em Hidrogênio Verde da Iberdrola, reconhece o potencial do Maranhão e afirma que empresa espanhola tem uma predisposição em apoiar a todos o que estão em processo de descarbonização.

“Hoje, tivemos a sorte de receber o governador do Maranhão em nossos escritórios de Iberdrola, em Madri. Para nós, é muito importante o trabalho junto às instituições e governos que estão apoiando a descarbonização de suas indústrias locais, e nós acreditamos que há muito potencial para a colaborarmos junto ao Brasil, por meio da nossa companhia-irmã Neoenergia”, pontuou Valentín-Gamazo.

Marcelo Lopes, diretor de Negócios Renováveis Hidráulicos e Eólicos Offshore da empresa Neoenergia, que atua no Brasil desde 1997 e faz parte do grupo espanhol Iberdrola, pontua que no cenário do Maranhão há uma tendência para o desenvolvimento sustentável por meio das tecnologias de Eólicos Offshore e da indústria do hidrogênio verde.

“Um grande prazer estar aqui hoje, na casa Iberdrola, recebendo o governador do Maranhão para falar de duas tecnologias tão importantes para o nosso grupo Neoenergia e, também, Iberdrola, que é o hidrogênio verde e o Eólicos Offshore. O Maranhão é um estado com bastante abundância de energias renováveis, então, sem dúvida nenhuma, será um grande potencial tanto para a indústria do hidrogênio verde, quanto para Eólicos Offshore”, afirmou o representante da Neoenergia.

Turismo

Ainda nesta quarta-feira (4), partindo da intenção de tornar o turismo maranhense ainda mais forte e promissor, como forma de desenvolver ainda mais o estado nordestino, o governador Carlos Brandão visitou a Organização Mundial do Turismo para as Américas (OMT), acompanhado do conselheiro da Embaixada do Brasil na Espanha, Flávio Bettarello e do secretário de Estado da Agricultura do Maranhão, Diego Rolim.

“Considero essa visita como algo muito importante para que possamos divulgar, cada vez mais, o nosso estado e atrair os turistas que circulam pela Europa, em especial, pela Espanha. Fomos muito bem recebidos e não tenho dúvida que o Maranhão se abrirá para novos mercados”, assegurou Carlos Brandão.

O governador foi recebido pelo diretor da Organização Mundial do Turismo para as Américas e ex-ministro do Turismo da Argentina, Gustavo Santos, que se comprometeu a unir esforços junto ao Governo do Maranhão no fortalecimento dos destinos estaduais.

“Brandão é conhecido por ser um governador entusiasmado em ver crescer o seu estado, e nós conversamos sobre as potencialidades do turismo para o Maranhão, que é um estado cheio de riquezas naturais e culturais, é um lugar que eu espero conhecer muito em breve. A OMT se coloca à disposição do Governo do Maranhão para ajudá-lo a tornar o estado um lugar cada vez mais turístico e que receba visitantes do mundo inteiro”, destacou Gustavo Santos.