Banhistas aproveitam praias da capital com segurança reforçada durante o feriadão

Com o feriadão da Semana Santa, o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) reforçou as ações de segurança na orla marítima da capital. Desde o início do feriado, com o ponto facultativo na quinta-feira (28), os batalhões especializados estão de prontidão para contenção de casos e atendimento emergencial.

O reforço das ações traz tranquilidade aos banhistas, como relata a dona de casa Lívia Cunha que durante o sábado (30) esteve na Avenida Litorânea e aprovou a mobilização do efetivo dos bombeiros.

“Essas ações são importantes. Mesmo com o tempo nublado decidimos aproveitar essa natureza linda que Deus nos deu e contemplar esse dia com a família. Trazer nossa criança para pegar um solzinho e brincar um pouco ao ar livre”, relatou.

O comandante do Batalhão de Bombeiros Marítimos (BBMar), tenente-coronel Ariosvaldo Campos, destacou que a segurança nas praias foi ampliada com o aumento do efetivo de guarda-vidas nos postos, além de viaturas e embarcações para o patrulhamento na praia, reforçando as abordagens preventivas.

“Devido ao feriado estamos realizando a Operação Praia Segura para aumentar o efetivo. Esse trabalho de prevenção ocorre nos principais locais de risco. Durante as abordagens, alertamos as pessoas das situações que podem levar a afogamento e demais emergências”, esclareceu.

O efetivo foi reforçado nas praias de São Marcos, Calhau, Meio e Araçagi. O trabalho conta ainda com apoio do Centro Tático Aéreo (CTA) no patrulhamento às praias, podendo ser acionado nos casos de emergência. Além disso, as principais áreas de risco foram sinalizadas com bandeiras vermelhas com o aviso de ‘Perigo’ para alertar os banhistas.

A cadete Julyene Alves, do BBMar, ressaltou que as ações mais constantes desse período estão voltadas para as crianças. 

“Muitos pais ficam no bar e deixam os filhos entrarem no mar sozinhos. É uma das situações que mais vemos aqui, então fazemos a abordagem de crianças para levá-las aos seus responsáveis, tanto para que elas não se percam quanto evitar o pior dos cenários que é o risco de afogamento”, relatou.

Entre as recomendações do Corpo de Bombeiros para evitar acidentes estão: atentar para a sinalização de perigo e evitar estas áreas; nunca deixar crianças sozinhas na água, sendo necessário um adulto próximo; não entrar na água após as refeições ou ingestão de bebidas alcoólicas; atentar para o nível da água, o recomendável é não ultrapassar a linha do umbigo do banhista. Em casos de emergência, é essencial procurar o guarda-vidas mais próximo.