Assembleia participa do lançamento do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção

A Assembleia Legislativa do Maranhão participou, nesta quinta-feira (20), por videoconferência, do lançamento do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção (PNPC), que tem por objetivo fortalecer as estruturas de prevenção à corrupção das organizações públicas e promover a melhoria do perfil dos gestores públicos. A iniciativa é do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Controladoria Geral da União (CGU). A Casa do Povo foi representada pelo seu diretor administrativo, Antino Noleto, e pelo presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL), André Maia. 

Na abertura do evento on-line, que contou com a participação de representantes dos órgãos de controle, Judiciário e instituições estaduais e municipais, a ministra Ana Arraes, presidente do TCU, destacou que o programa tem caráter educativo e de orientação para as melhores práticas, disponibilizando uma plataforma que auxilia as organizações públicas a identificar os problemas, além de oferecer as melhores soluções. 

“O PNPC e a plataforma e-Prevenção são ferramentas de todos nós, que preservamos pelo bom uso dos recursos públicos. O objetivo é levarmos os melhores resultados para a sociedade, pois é para elas que trabalhamos. Por isso, é muito importante a participação de todos nessa iniciativa”, disse. Elias Auê / Agência AssembleiaO diretor administrativo da Assembleia, Antino Noleto, participou do evento

O diretor administrativo da Assembleia, Antino Noleto, que acompanhou o evento de lançamento, disse que essa rede de controle já existe há alguns anos e vem desenvolvendo um trabalho de aperfeiçoamento, buscando apoiar a evolução da gestão pública no Brasil. 

“A Assembleia, obviamente, seguindo diretrizes da atual Mesa Diretora e do presidente Othelino Neto, não poderia deixar de apoiar uma iniciativa tão louvável. O PNPC vem nessa perspectiva de apoio aos gestores públicos, com o objetivo de levar à evolução da administração pública brasileira”, frisou. 

O presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL) da Casa, André Maia, também falou sobre a importância da iniciativa. “Por sermos a Casa do Povo, temos sempre que mostrar uma gestão proba e transparente para a sociedade. O nosso presidente Othelino não mede esforços para que isso seja sempre uma diretriz e, por isso, a Assembleia sempre está envolvida nesses programas relacionados à transparência e combate à corrupção”, afirmou. Elias Auê – Agência AssembleiaAndré Maia, presidente da Comissão Permanente de Licitação da Assembleia, também acompanhou o lançamento e destacou a importância da iniciativa

Sobre o PNPC 

O PNPC é voltado a todos os gestores das organizações públicas. Por meio de uma plataforma de autosserviço on-line contínua, o gestor terá a oportunidade de avaliar sua instituição, descobrindo previamente os pontos mais vulneráveis e suscetíveis a falhas. A partir desse diagnóstico, ele terá acesso a um plano de ação específico que apresentará sugestões e propostas adequadas às necessidades da sua entidade.   

O ministro Wagner Rosário, presidente da CGU, assinalou que a prevenção é um dos aspectos mais importantes no combate à corrupção. “Esse é o grande plano do PNPC, que visa diminuir a corrupção e combater esse grande mal que assola o nosso país”, completou.