O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

AGED e UEMA vacinam bezerras contra brucelose em Lagoa Grande do Maranhão

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA), em parceria com a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), realizou o projeto de controle preventivo contra brucelose, promovendo a imunização de bezerras contra a doença no município de Lagoa Grande do Maranhão. Foram imunizadas 339 bezerras, com idade entre 3 a 8 meses.

Além da vacinação das bezerras, o projeto ainda realizou atividades de educação sanitária sobre a enfermidade para agricultores familiares do município, provendo palestra e orientações.

Segundo a fiscal estadual agropecuária da AGED e responsável técnica pelo Programa Estadual de Brucelose e Tuberculose Animal, Adriana Prazeres Paixão, o objetivo da ação conjunta entre a AGED e a UEMA é repassar informações aos criadores, por meio de palestras, sobre a prevenção e o controle da brucelose animal e em seres humanos, além de transformar esses pequenos produtores em agentes vacinadores em suas comunidades, e multiplicadores de informações sobre a brucelose.

“A ação contemplou vacinação contra brucelose em bezerras e a imunização é a única forma de prevenção da doença nos animais. Os produtores foram orientados ainda quanto à importância da comprovação da vacinação no escritório da AGED, onde a propriedade está cadastrada”, explicou Adriana.  

O projeto também visa aumentar a cobertura vacinal do rebanho no município, realizar ações de educação sanitária e promover a elevação da renda dos criadores atendidos por meio do aumento da produtividade do rebanho, bem como a melhoria da condição de vida deste, contribuindo assim com a melhoria do IDH do município.

O projeto de “Controle Preventivo da Brucelose: vacinação de bezerras e orientação de pequenos criadores”, que é acompanhado pela professora Viviane Coimbra, recebeu financiamento da FAPEMA e contou com a participação de docentes e alunos do curso de Medicina Veterinária da UEMA e de técnicos da AGED.

“É de suma importância a parceria entre a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e a AGED/MA, pois, como a brucelose é uma doença que causa grandes perdas econômicas é importante a realização de ações de comunicação em saúde animal, além de realizar a vacinação contra brucelose em bezerras entre 3 a 8 meses de idade”, o médico veterinário e gestor da AGED em Pedreiras, Robert Barroso.

“A brucelose é considerada uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida aos seres humanos. À medida que as fêmeas são vacinadas, há também a redução da incidência da doença em seres humanos”, acrescentou o veterinário.