O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

Ação em alusão ao Dia Mundial do Diabetes destaca importância da prevenção

Com o intuito de alertar para a importância da prevenção, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), realizou, nesta sexta-feira (12), uma ação em alusão ao Dia Mundial do Diabetes, celebrado no dia 14 de novembro. A ação aconteceu no Espaço do Diabético, localizado na Policlínica Diamante, referência na rede estadual de saúde para tratamento de pacientes com a doença.

Segundo a chefe do Departamento de Atenção à Saúde do Adulto e Idoso da SES, Claudiana Cordeiro, a ação foi realizada para chamar a atenção da população no que diz respeito à prevenção da diabetes, doença crônica.

“Além de destacar que as pessoas podem buscar tratamento, também estamos trabalhando a prevenção desse agravo. A ideia é que as pessoas procurem as unidades básicas de saúde mais próximas da sua casa para fazerem a prevenção da diabetes e da hipertensão. E caso essa pessoa seja diagnosticada, ela será manejada na atenção primária e aqueles mais graves serão referenciados para a nossa rede especializada estadual”, afirma Claudiana Cordeiro.

Durante a ação, foram disponibilizados os seguintes serviços: aferição de pressão arterial; orientação de enfermagem relacionada aos cuidados com o pé diabético; orientação farmacêutica referente ao uso de insulinas; orientações repassadas pelo serviço social sobre direitos e benefícios do paciente; atendimento com clínico geral; e atendimento e orientações com endocrinologista. Além disso, também foi oferecido aos pacientes um lanche saudável.

A diretora geral da Policlínica Diamante, Ana Cláudia Lustosa, explica que, por conta do Espaço do Diabético, a Policlínica Diamante é referência estadual para pacientes diabéticos. “Aqui nós temos uma farmácia que dispõe de medicações excepcionais, de análogos e das insulinas. Os pacientes chegam aqui através de encaminhamento da Atenção Primária para serem inseridos no programa da nossa rede. Eles passam inicialmente pela clínica médica, onde fazem toda uma triagem, e são encaminhados para as especialidades indicadas. Posteriormente, são inseridos no programa com o acompanhamento do endocrinologista”, explica a diretora Ana Claudia Cordeiro.

O Espaço do Diabético atende, atualmente, cerca de 8.400 pacientes e visa melhorar o fluxo assistencial aos pacientes diabéticos, além de garantir melhor acolhimento com consultas e exames especializados. No local, o paciente diabético conta com suporte de clínico geral, endocrinologista, nutricionista, psicólogo e sala de curativo.  

Um dos pacientes atendidos pelo espaço é o seu Antônio Salviano Sobrinho, 78 anos. Ele conta que descobriu a doença há aproximadamente 15 anos. “Desde então eu faço meu acompanhamento constantemente e pratico atividade física todos os dias. O atendimento aqui é muito bom, todos os profissionais são excelentes”, afirma o aposentado Antônio Salviano.

De acordo com a 10ª Edição do Atlas Diabetes 2021, produzido pela Federação Internacional de Diabetes, a incidência de diabetes em todo o mundo aumentou cerca de 16%. Só em 2021, a doença causou uma morte a cada cinco segundos no mundo.

Coordenadora do Projeto Viver Mais e representante da Sociedade Brasileira de Diabetes, a médica endocrinologista Fernanda Thomé destaca que, só no Maranhão, cerca de 500 mil pessoas convivem com a doença. “Hoje, nós estamos vivendo uma situação crítica dentro do cenário epidemiológico referente a diabetes; situação essa que se complicou mais ainda nos últimos dois anos por conta da Covid-19. Diante do isolamento das pessoas, que acabaram deixando de procurar os serviços de saúde, e com isso foram surgindo novos casos”, destaca a médica.