.

 Prefeitura finaliza processo para a construção do Aterro Sanitário de Caxias (MA)

Em breve o Lixão Controlado de Caxias será uma realidade do passado da cidade. A Prefeitura de Caxias finalizou o processo licitatório por meio da Comissão Central de Licitação (CCL), uma empresa já foi contratada para iniciar os trabalhos. A empresa vencedora foi a Quebec Tecnologia e Construções, com matriz em Goiânia (GO). O representante da empresa, Lucas Aguiar, informa que entre 5 e 7 áreas estiveram sendo analisadas para a definição do local do Aterro Sanitário e indica a previsão para o início dos trabalhos de construção.

“No início de junho a empresa ganhou o processo licitatório de uma parceria público-privada junto à Prefeitura de Caxias, algumas áreas foram definidas para saber se a Secretaria Estadual aprova. Nós fizemos o levantamento de 6 a 7 áreas, depende de uma licença prévia. Será feito a sondagem, que consiste no uso e ocupação do solo, sendo áreas que ficam longe de corpo hídrico, então nos próximos 60 dias teremos a licença para saber a área a ser ocupada”, explica Lucas Aguiar, representante da empresa Quebec Tecnologia e Construções.

O representante da empresa explica também o que é um Aterro Sanitário e como a população será beneficiada. O aterro será administrado pela mesma empresa que fará a construção.

“A população pode esperar o que há de melhor, pois não haverá queima de lixo, porque o Aterro Sanitário é cercado, tem Guarita 24h, o lixo não fica descoberto e o chorume não fica a céu aberto, ele é soterrado diariamente e não terá contato com a população e o subsolo. Não haverá contaminação do lençol freático. O Aterro Sanitário é revestido por uma geomembrana e o chorume não atinge o subsolo. E, quanto a manutenção do aterro, ela é privada”, destaca Lucas Aguiar, representante da empresa Quebec Tecnologia e Construções.