Núcleo de Saúde Mental voltado para crianças e adolescentes atenderá cerca de 200 pacientes por mês

O Núcleo de Apoio à Saúde Mental da Criança e do Adolescente (NASMCA), entregue na última semana pelo Governo do Estado, é o primeiro núcleo de saúde mental voltado para atendimento a esse público. Com capacidade para atender cerca de 200 pacientes por mês, a unidade funciona de segunda a sexta, das 8h às 18h, oferecendo atendimentos de psiquiatria, psicologia e terapia ocupacional de forma interligada dentro do Ambulatório do Hospital Nina Rodrigues (HNR). 

Para o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, a implantação NASMCA demonstra que o estado tem avançado cada vez mais na prestação de serviços na área da saúde mental. “Cuidar das pessoas é a marca registrada do governo Flávio Dino. E mesmo diante das dificuldades impostas pela pandemia neste ano, estamos garantindo novos serviços para a população”, ressalta Carlos Lula.  

De acordo com a diretora geral do HNR, Ana Gabrielle Romanhol, o Núcleo surge com a ideia de qualificar o atendimento oferecido às crianças e adolescentes que já são assistidos pelo ambulatório do Nina Rodrigues. “Agora eles têm um local onde serão acolhidos de forma mais humanizada, no qual os profissionais terão uma melhor integração. Um local lúdico que também facilitará a espera pelo atendimento e a intervenção de cada profissional”, afirma a diretora. 

O Núcleo funciona da mesma forma que funcionam os ambulatórios de saúde mental. O agendamento para abrir prontuário novo só irá acontecer de acordo com a necessidade do município, via encaminhamento. O paciente que está no seu primeiro atendimento deve portar os documentos de identidade, CPF, cartão dos SUS, comprovante de endereço e o encaminhamento médico por escrito. 

O agente de portaria Edilson Nascimento Silva, 39 anos, é pai do Vinícius Gabriel, de 12 anos, e ficou muito satisfeito com a nova estrutura. Ele conta que há dez meses o Vinicius faz tratamento no hospital. “A unidade está de parabéns com o novo espaço. Meu filho já era atendido aqui por ótimos profissionais e agora ele também terá um espaço adequado para a realização do tratamento dele”, parabeniza o pai Edilson Nascimento.  

A psiquiatra da infância e adolescência, Diessika Halvantzis, é uma das especialistas infantis que atenderão no NASMCA. “Quando vamos avaliar uma criança dentro da psiquiatria, avaliamos desde a espera dela antes de entrar no consultório. Se a criança está agitada, se está calma, como ela se comporta com esse pai. E, sem dúvidas, ter esse espaço lúdico e acolhedor faz toda a diferença”, destaca a especialista. 

Como em São Luís já existe o Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPSI), voltado para essa especialidade da infância e juventude, no Núcleo, terão prioridade os municípios que não possuem o serviço de saúde mental. 

Para funcionamento do Núcleo foi necessária uma obra de adequação na unidade. O espaço funciona  no local onde antes era destinado à marcação de consultas. As consultas, antes marcadas presencialmente, agora são agendadas através dos telefones (98) 99131-2287 e (98) 99139-5314.