Maranhenses gastarão até R$ 100 em presentes para os pais, aponta pesquisa da TIM

O Dia dos Pais, que neste ano será comemorado no dia 8 de agosto, promete movimentar o comércio. Levantamento feito com 175 mil clientes da TIM em todo o Brasil aponta que 79% dos entrevistados irão comprar algum presente para a data. Mas os papais devem se contentar só com uma lembrancinha, já que a maioria dos entrevistados (41%) afirmou que vão gastar até R$ 100. Em seguida, 18% vão desembolsar entre R$ 101 e R$ 300; 8%, de R$ 301 a R$ 800; 6% gastarão de R$ 801 a R$ 1.200 e apenas 5% vão fazer investimentos maiores, de mais de R$ 1.200.

No Maranhão, dentre os cerca de 3,1 mil entrevistados, 44% vão comprar presentes até R$ 100; 18% entre R$ 101 e R$ 300; e apenas 9% vão investir nos mais caros, de R$ 301 a R$ 800. A enquete foi feita por meio do TIM Ads, plataforma de enquetes online, que recompensa os participantes com bônus de recarga e de dados

Os presentes preferidos para o paizão são as peças de vestuário: as roupas foram mencionadas por 25% dos participantes maranhenses. A lista segue com perfumes (18%), acessórios (13%), calçados (11%), celulares (10%), livros (4%) e computadores/tablets (4%). E a escolha do presente ou o planejamento para a data podem ter sido afetados pela pandemia, pois 76% das pessoas ouvidas no Maranhão afirmaram que o cenário atual fez mudar a expectativa para a data, com 12% afirmando que vão comprar lembranças mais baratas, e 5% fazendo seu próprio presente. Outros 41% disseram que sua renda diminuiu.

A Covid-19 também pode ter influenciado na decisão de reunir a família em todo o Brasil: 51% vão comemorar somente com quem mora. Outros 28% não farão qualquer encontro com a família. Já 18% confraternizarão a data somente com familiares próximos. No Maranhão, os percentuais seguem a mesma linha, já que 53% dos entrevistados vão comemorar com quem moram e 20% estarão apenas com os mais próximos. Outros 23% não reunirão a família.

Vai pagar como?

Os pagamentos via PIX vieram para ficar entre os maranhenses. Menos de um ano após seu lançamento, a transação já ultrapassou os cartões de débito e crédito no Maranhão, com 16% da preferência como meio de pagamento para pagar o presente do pai, contra 13% do crédito e 12% do débito. O PIX ficou atrás somente do pagamento com dinheiro em espécie, opção para 43% dos entrevistados. As compras em lojas físicas dominaram, com a escolha de 58% dos entrevistados do Estado. As transações em lojas virtuais pela internet foram mencionadas por 28% das pessoas.

Sobre a TIM

“Evoluir juntos com coragem, transformando tecnologia em liberdade” é o propósito da TIM, que atua em todo o Brasil com serviços de telecomunicações, focada nos pilares de inovação, experiência do cliente e agilidade. A empresa é reconhecida por liderar movimentos importantes do mercado desde o início de suas operações no país e está à frente da transformação digital da sociedade, em linha com a assinatura da marca: “Imagine as possibilidades”. É, desde 2015, líder em cobertura 4G no Brasil, conectando, inclusive, o campo para viabilizar a inovação no agronegócio. Foi pioneira na ativação de redes 5G no país, com a criação dos Living Labs em 2019, e está pronta para a próxima geração de redes móveis.

A TIM valoriza a diversidade e promove uma cultura sempre mais inclusiva, com um ambiente de trabalho pautado no respeito. A companhia atua comprometida com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança e, por isso, integra importantes carteiras da bolsa brasileira, como a do S&P/B3 Brasil ESG, do Índice de Carbono Eficiente (ICO2) e do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), sendo operadora por mais períodos consecutivos – 13 anos – nesta lista. Faz parte ainda do Novo Mercado da B3, reconhecido como nível máximo de governança corporativa, e foi a primeira empresa de telefonia reconhecida pela Controladoria-Geral da União (CGU) com o selo “Pró-ética”. Para mais informações, acesse www.tim.com.br.