Juiz federal Ronaldo Desterro e Silva assume como membro efetivo

A posse de um membro efetivo da Corte da Justiça Eleitoral do Maranhão ocorreu nesta segunda, 13 de abril, pela primeira vez via sessão solene realizada por videoconferência, presidida pelo desembargador Cleones Cunha através do aplicativo Zoom Meetings Clouds, transmitida ao vivo pelo canal TRE-MA do Youtube.

O empossado foi o juiz federal Ronaldo Castro Desterro e Silva, que assumiu a vaga aberta com o fim do biênio do também juiz federal Wellington Cláudio Pinho de Castro no dia 5 de abril, que reassumirá, em breve, como membro substituto. Desterro foi eleito pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região para o cargo no dia 27 de fevereiro.

Ao abrir a sessão solene por videoconferência, o desembargador Cleones Cunha explicou que a posse ocorreu desta forma em razão das medidas de combate ao COVID-19 e que tão logo seja possível o empossado receberá a Medalha do Mérito Eleitoral. Também explicou que vários Tribunais estão empossando membros por videoconferência e continuou afirmando que confia na competência de Ronaldo Desterro, a quem conhece de muito tempo.

A leitura do termo de posse foi feita pelo diretor-geral André Mendes, logo após o juiz Ronaldo Desterro prestar o compromisso regimental como membro efetivo do Regional.

Ao juiz estadual José Gonçalo Filho coube prestar a saudação ao novo membro da Corte: “tenho a certeza de que Desterro atuará com independência na aplicação da lei em suas funções na justiça eleitoral. Magistrado competente, trabalhador e de vasta experiência, a quem tenho muito respeito”, pontuou.

Por sua vez, Ronaldo Desterro discursou: “não posso deixar de fazer algumas observações. Primeiro: uma curiosidade: 27 anos atrás, Cleones Cunha me dava posse em Santa Luzia do Paruá como juiz eleitoral e agora é ele quem me dá posse no TRE. Tomar posse no TRE-MA é uma satisfação redobrada em razão disso. Sobre o juiz Wellington, é um amigo próximo, a quem eu sempre sucedo, e agradeço por deixar o caminho ainda mais tranquilo de trilhar”. Lembrou ainda de quando foi juiz eleitoral de zona, em outros tempos, mas dos quais se lembra bem, e fez agradecimentos a várias pessoas, entre elas, a mãe e os irmãos.

“Sempre fui um juiz contido, compromissado e estudioso. É no eleitoral que as escolhas democráticas são feitas. Portanto, costumo dizer que não há erros na democracia, há escolhas”.

O desembargador Tyrone Silva, vice-presidente e corregedor, além dos demais membros – Gustavo Vilas Boas, Lavínia Coelho, Bruno Duailibe – e também o procurador regional eleitoral Juraci Guimarães Júnior, cada um, manifestaram suas boas-vindas a Ronaldo Desterro.

Currículo

Graduado bacharel em Direito pela UFMA, Ronaldo Desterro é especialista em Direito e Sociedade, Inteligência Financeira e em Mediação e Técnicas Autocompositivas. Sua carreira iniciou como advogado (1988 a 1992), depois promotor (1993), seguida de juiz estadual (1993 a 1999) e por último a Justiça Federal em 1999, atuando em Brasília, Belém e São Luís.

“É a minha segunda experiência como juiz membro da justiça eleitoral – a primeira foi em Belém entre 2010 e 2011, mas nada como assumir na terra natal”, revelou o magistrado ao iniciar suas considerações sobre a posse no TRE-MA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.