Governo do Maranhão mantém serviços essenciais que dão condições de trabalho aos caminhoneiros nas rodovias estaduais

O Governo do Maranhão segue trabalhando no combate à disseminação da Covid-19. Na Infraestrutura, os esforços estão sendo empregados na garantia da mobilidade, do tráfego pelas vias estaduais, possibilitando, assim, a chegada de insumos e alimentos aos maranhenses. 

Para assegurar que as ações sejam tomadas a fim de reduzir os impactos negativos na vida dos maranhenses, o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, tem participado de videoconferências com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e demais autoridades que integram o Conselho Nacional de Secretários de Transportes (CONSETRANS), a exemplo da realizada na última sexta-feira (20).

O objetivo é alinhar as medidas adotadas e apresentar iniciativas prezando por minimizar os impactos causados pelo coronavírus na vida da população. “Nós estamos participando de videoconferências com o ministro Tarcísio Freitas para alinhar medidas importantes, visando garantir a trafegabilidade e o transporte de cargas a fim de evitar o desabastecimento e, dessa maneira, atenuar os impactos do coronavírus”, diz Clayton Noleto.

“Continuamos trabalhando, empenhados, e vamos continuar nos dedicando para que, em breve, com a ajuda de Deus, possamos superar esse momento difícil”, afirma o secretário.

Entre as medidas, visando oferecer suporte na atividade de caminhoneiros, que são decisivos na manutenção do abastecimento do estado, o governador Flávio Dino emitiu o decreto Nº 35.678, no último domingo (22), complementando o decreto anterior de número 35.677, que mantém a circulação de cargas nas estradas, por considerar um serviço fundamental, tornando o trabalho dos caminhoneiros imprescindível, tendo em vista que é necessária a chegada de insumos e alimentos para abastecer a população.

O documento, no artigo 2, inciso XIII, afirma que não serão suspensos os serviços nos locais de apoio para o trabalho dos caminhoneiros, como, por exemplo, borracharias, oficinas e serviços de manutenção e reparação de veículos, assim como restaurantes e pontos de parada e descanso, às margens de rodovias, que continuarão em funcionamento. 

Manutenção e construção de rodovias

A Gestão Estadual, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), atua, ainda, em frentes de serviços de manutenção, conservação e construção de rodovias importantes do Maranhão. Os trabalhos garantem a estrutura adequada, permitindo a trafegabilidade do transporte de carga e maior rapidez na chegada de insumos e alimentos, assegurando que a população maranhense esteja devidamente abastecida.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.