Especialista dá dicas para economizar combustível

Com alta no preço dos combustíveis, os motoristas precisam buscar métodos que garantam a economia no consumo do automóvel. De acordo com o engenheiro mecânico e coordenador do curso de Engenharia Mecânica da faculdade Pitágoras São Luís, Carlos Aranha, um dos principais motivos para o aumento do consumo do combustível do veículo é a troca de marchas. 

“Quando o condutor troca a marcha do automóvel constantemente, a cada diminuição ou aumento de potência, o motor precisa de potência para romper a inércia ou ajudar na diminuição de velocidade. Com isso há, nesse momento, um consumo maior de combustível. Uma aceleração errada ou abrupta consome, sem necessidade, combustível que poderia ser utilizado de forma correta”, pontua. 

Fazer a manutenção do carro, segundo o especialista, além de evitar dor de cabeça também ajuda na hora de economizar combustível. “A orientação é manter o sistema de admissão limpo fazendo periodicamente as trocas dos filtros de ar e combustível. Calibrar os pneus todo início de semana, são ações simples que proporciona um significativo consumo de combustível”, detalha. 

O engenheiro alerta que muitos motoristas têm o costume de manter o carro em ponto morto, porém, além de comprometer a segurança dos ocupantes do automóvel, isso não gera economia. A principal consequência é o desgaste precoce dos componentes do sistema de freios, pois não aproveita a redução natural de velocidade que pode ser obtida ao cessar a aceleração do veículo. 

O especialista destaca outros pontos para você economizar combustível. Confira: 

  1. Dirija de forma prudente: Dirigir o carro como se você estivesse num filme de corrida aumenta muito o consumo de combustível, além de ser perigoso para todos à sua volta. Por isso, evite ultrapassagens perigosas, acelere sempre de maneira suave e progressiva conforme o veículo aumenta a velocidade. 

  2. Ar-condicionado só quando necessário: Quanto mais tempo com o ar-condicionado ligado, mais combustível será gasto, em torno de 10% a mais que o normal.  

  3. Calibre os pneus regularmente: Quando os pneus estão descalibrados ou até murchos, existe um atrito maior com a via e o consumo de combustível pode aumentar em até 3%. 

  4. Confira regularmente a geometria da suspenção do seu veículo: Outro aspecto que envolve pneus e rodas, e que pode ajudar a diminuir eleva o consumo de combustível, é a geometria das rodas fora dos valores de referência recomendados. o correto alinhamento e balanceamento. Rodas desalinhadas provocam um aumento excessivo do atrito entre os pneus e a pista de rolamento, o que demanda maior energia durante o deslocamento. uma dificuldade maior para o carro se locomover, pois as rodas se arrastam. Isso diminui a vida útil dos pneus, aumenta o risco de acidentes e também o consumo de combustível.
  1. Evite acessórios desnecessários: Eles podem aumentar seu consumo com combustível. Esses acessórios que alteram as características originais do veículo provocam mais resistência contra o ar, prejudicando a aerodinâmica e aumentando o consumo final. 

  2. Combustível de qualidade: Sempre abasteça em postos de confiança e caso note diferença de desempenho ou trepidações excessivas em marcha lenta logo após abastecer seu veículo leve-o imediatamente ao seu mecânico de confiança e o informe do ocorrido.