Comunidades indígenas são beneficiadas com acesso à água e fomento para produção

Nesta quinta-feira (4), o governador Flávio Dino inaugurou dois Sistemas de Abastecimento de Água para comunidades indígenas nos municípios de Lajeado Novo e Montes Altos, e entregou mil cartões para recebimento de apoio financeiro para execução de projetos produtivos dos povos indígenas, no âmbito do Programa Maranhão Verde. A solenidade de entrega foi transmitida pelas redes sociais do Governo do Maranhão.

As aldeias Arraia, em Lajeado Novo, e Campo Alegre, em Montes Altos, fazem parte da terra indígena Krikati e receberam, pela primeira vez, Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água compostos por: poço tubular, reservatório com capacidade de armazenamento de 15 mil litros e ligações domiciliares. Com esta ação, a Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF) beneficia diretamente 47 famílias indígenas com água potável para atividades domésticas e para pequenas produções agrícolas.

Na solenidade, também foram destinados R$ 2,7 milhões, no âmbito do Programa Maranhão Verde – Eixo Indígena, para mil indígenas que desenvolverem Sistema Integrado de Produção de Tecnologias Sociais (Sistecs). O programa é coordenado pelo Sistema SAF juntamente com as Secretarias de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e Meio Ambiente (SEMA).

O governador Flávio Dino frisou que as ações realizadas nas comunidades indígenas foram realizadas respeitando os saberes e conhecimentos tradicionais desses povos.

“Quando oferecemos água de qualidade para comunidades indígenas que vêm sofrendo com a escassez de um bem tão precioso, e liberamos recursos financeiros com assistência técnica para potencializar a inclusão socioprodutiva das comunidades indígenas, nós estamos cumprindo uma gigantesca meta. Estamos permitindo que essas famílias tenham todos os dias alimento e dignidade”, enfatizou o governador Flávio Dino.

A coordenadora das Organizações e Articulações dos Povos Indígenas no Maranhão (COAPIMA), Edilena Krikati, destacou a importância dos poços para as comunidades indígenas beneficiadas. “A dificuldade de água nas comunidades do meu povo krikati era muito grande. Esses poços vão melhorar a vida de todos”.

Em relação à entrega dos cartões para recebimento do fomento individual de R$ 2.700,00, do Programa Maranhão Verde, Edilena afirma que é um sonho realizado construído com muitas mãos. “Nós construímos junto com o Governo do Estado uma parceria importante na elaboração desse programa. Conseguimos potencializar as ações que já tínhamos, principalmente no que diz respeito à segurança alimentar, gestão e valorização dos territórios”, finalizou.

O secretário da SAF, Rodrigo Lago, enfatizou que as entregas realizadas reforçam a presença e o esforço do Governo do Estado em melhorar a vida de quem mais precisa.

“Com muita seriedade, respeito e parceria com os povos indígenas é que conseguimos executar ações que fazem a verdadeira diferença na vida das comunidades. Essas ações elementares de acesso à água, segurança alimentar, desenvolvimento do território e preservação do meio ambiente mostram que estamos no caminho certo”, pontuou Rodrigo Lago.

Participaram da solenidade os secretários de Estado: Francisco Gonçalves (Sedihpop), Flávia Alexandrina (Segep), Gerson Pinheiro (SEIR), Diego Rolim (SEMA), os presidentes: Júlio César Mendonça (Agerp), Lívio Corrêa (AGEM); prefeitos: Fernando Pessoa (Tuntum), Raimunda Almeida (Fernando Falcão), Pedro Fernandes (Arame), Ana Leia (Lajeado Novo), Erlânio Xavier (presidente da Famem), representantes da Funai e lideranças indígenas: Edilena Krikati (Coapima), Adriana Carvalho (Coepi), Jonas Gavião (Wyty Catê), Sônia Guajajara (Apib).