Câmara de São Luís retoma atividades presenciais com ação de conscientização do público interno

Funcionários e colaboradores da Câmara Municipal de São Luís foram recepcionados na manhã desta segunda-feira, 03, com a entrega de kits contendo folders e álcool em gel, para intensificar o combate ao coronavírus. A ação faz parte da Campanha de Sensibilização sobre a Covid-19 desenvolvida pelo Núcleo de Comunicação Interna da Câmara, que tem como objetivo conscientizar o público interno sobre a importância dos cuidados e o sensibilizar quanto às medidas de segurança adotadas pela presidência da Casa frente à nova onda da pandemia.

Silen Ribeiro, relações públicas, explicou que a campanha atende à Resolução Administrativa 010/2021, que estabelece as medidas adotadas nesta fase. “Essa ação faz parte de um plano maior, que é a campanha, pensada exatamente para que nós possamos sensibilizar as pessoas a redobrarem a atenção com a Covid, partilhando também de uma resolução da Casa, que estabelece os cuidados a serem tomados”. Ela explicou ainda, que a campanha contemplará outras frentes de combate, tais como, materiais audiovisuais para as redes sociais e site, atingindo desta forma, também o público externo.

Para Gabriela Amaral, funcionária do Setor de Materiais, o momento é de alerta. “A minha expectativa é de um retorno com cuidado, por isso, considero esta, uma ótima ação de conscientização dos servidores, pois sabemos que a pandemia ainda não acabou, as coisas continuam difíceis, mas esperamos que, cumprindo todas as normas, possamos passar por tudo isso”, afirmou.

Retorno às atividades presenciais

O retorno do trabalho presencial na Câmara Municipal de São Luís, ocorreu nesta segunda-feira, 03, após quase dois meses de suspensão das atividades, que vinham acontecendo de forma remota. Márcio Lucas, secretário administrativo do Poder, explicou sobre o planejamento para a retomada gradativa.

“Durante esses quase dois meses em que a Casa manteve suas atividades de forma remota, foi feita uma reavaliação das nossas condições de trabalho e, a partir daí, todo um planejamento para que, no retorno presencial, houvesse uma nova adequação dentro das normas da OMS. Dessa forma, atendendo melhor ao público interno e externo da Câmara. A pandemia segue e faz-se necessária aplicação dos cuidados para minimizar os riscos de contágio e transmissão do vírus”, pontuou o secretário.

Já o vereador Octávio Soeiro (Podemos) avalia esses cuidados como primordiais, dado o cenário em que ainda vivemos. “A Casa volta com uma boa expectativa. a Câmara tem dado a sua contribuição de forma incisiva, colaborando com a cidade de São Luís. E tenho certeza que as sessões presenciais terão um diferencial, para que nós, vereadores, possamos, acima de tudo, influenciar de forma positiva a vida dos cidadãos ludovicenses”, avaliou.

Foto: Paulo Caruá
Foto: Paulo Caruá

Sobre a Resolução

A Resolução Administrativa n° 010/2021, assinada pelo presidente Osmar Filho (PDT), na última sexta-feira de abril (30), estabelece algumas medidas a serem seguidas na retomada das atividades presenciais da Câmara, que deverá ser gradativa. De acordo com o disposto na resolução, o horário de funcionamento do Legislativo será mantido, excepcionalmente, das 8hs às 14hs, de segunda a sexta-feira.

Os setores funcionarão com o mínimo de 50% dos servidores e a circulação de pessoas nas dependências da Câmara seguirá restrita, a fim de evitar aglomerações. O atendimento ao público estará restrito ao setor de Protocolo, sendo somente permitido aos demais setores, com prévia autorização dos gestores e dos gabinetes dos vereadores. Demais reuniões presenciais, apenas com autorização prévia da Secretaria Administrativa da Casa.

Neste primeiro momento, serão realizadas duas sessões semanais, às segundas e terças-feiras, de forma híbrida, com alguns vereadores em plenário e outros que atuarão por meio do Sistema de Deliberação Remota. O acesso ao plenário está restrito a vereadores e servidores previamente autorizados. A galeria pública também seguirá fechada. Dessa forma, o acompanhamento das sessões poderá ser feito unicamente de forma virtual, pelos canais de transmissão da Câmara – Canal no YouTube e Aplicativo.

Fica suspensa a realização, nas dependências da Casa, de eventos coletivos não-diretamente relacionados às atividades legislativas do Plenário e das Comissões. Assim sendo, estão suspensas sessões solenes, audiências públicas, eventos de lideranças partidárias e de frentes parlamentares, visitação institucional e outros programas patrocinados pelo Poder, sem prejuízo da sua realização através do sistema remoto.

Por fim, as medidas valem por tempo indeterminado, até nova determinação da presidência da Câmara.