TJMA recebe integrantes da Academia Maranhense de Ciências, Letras e Artes Militares

Integrantes da Academia Maranhense de Ciências, Letras e Artes Militares (AMCLAM) reuniram-se, nesta sexta-feira (9/9), com o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Paulo Velten, acompanhado do vice-presidente, desembargador Ricardo Duailibe, para estabelecer diálogo e estreitar relações institucionais com a entidade que é composta de policiais e bombeiros militares, escritores, mestres e doutores acadêmicos, artistas plásticos, compositores e músicos.

Durante a reunião, os acadêmicos e acadêmicas compartilharam sobre o primeiro Congresso Nacional das Academias de Letras Militares do Brasil (Conambras), com o tema “A Importância das Academias de Letras no Contexto Cultural Brasileiro”, que acontecerá nos dias 18 e 19 de novembro, no Auditório da Procuradoria-Geral de Justiça do Maranhão, em São Luís (MA). 

Na ocasião, o presidente do TJMA, desembargador Paulo Velten foi convidado para ser o palestrante da abertura oficial do evento. Após aceitar o convite, o magistrado falou da importância das instituições se predisporem ao diálogo para, juntas, buscarem o entendimento sobre a atual conjuntura da sociedade brasileira, sob a ótica da ciência.

“O amadurecimento das relações institucionais podem ser auxiliados pelas academias, que possuem olhares distintos por natureza, uma vez que o saber científico não tem a preocupação com a unanimidade, e, ao mesmo tempo, possui a disposição do ouvir”, disse Velten. O presidente do TJMA recebeu dos acadêmicos e acadêmicas, a 7ª edição da Legislação Básica da Polícia Militar do Maranhão.

Para o presidente da AMCLAM, o coronel Carlos Augusto Furtado Moreira, a Academia – criada em 2018 – é a única do Brasil, das sete existentes, que engloba, além de policiais e bombeiros militares, cientistas sociais, artistas e pessoas do mundo das letras. “A ideia é que as nossas instituições possam sorver as experiências das diferentes personalidades que as compõem. E é por meio dessa troca de ideias, que determinadas concepções vão se formando, permitindo que as instituições se fortaleçam”, ressaltou Furtado.

CONDECORAÇÃO

Na oportunidade, o desembargador Ricardo Duailibe foi prestigiado com a mais importante comenda da instituição, a medalha da AMCLAM.  A condecoração, acompanhada pelo diploma, foi recebida por sua contribuição e relevantes serviços prestados à Academia Maranhense de Ciências, Letras e Artes Militares. 

Também estiveram presentes na reunião, os acadêmicos e acadêmicas Sanatiel Pereira, Sônia Muniz, Clésio Muniz, Raimundo Silva, José Augusto Vieira e o advogado, professor e pesquisador Márcio Aleandro Correia Teixeira.