Telerradiologia: tecnologia garante diagnóstico de qualidade para todo o Brasil

Com a expansão das inovações tecnológicas, a área da saúde tem sido beneficiada cada vez mais com soluções para melhoria de atendimento aos pacientes. Entre esses recursos, destaca-se a telerradiologia, um serviço que consiste na avaliação remota de exames de imagem por radiologistas especialistas que emitem laudos a distância. Na Hapvida NotreDame Intermédica, essa inovação vem garantindo o comprometimento da emissão desses resultados dentro dos prazos necessários para definição de conduta terapêutica, com uma volumetria de cerca de 120 mil por mês.

Além da agilidade na obtenção dos laudos médicos, que são emitidos remotamente em um prazo de até 48h para exames eletivos, a telerradiologia também trouxe outro importante benefício: a possibilidade de atender, com o mesmo padrão de qualidade, pacientes de todo o Brasil, inclusive os que moram em áreas mais remotas.

“Com o crescimento da empresa e as últimas aquisições e fusões, a Hapvida NDI se tornou a maior rede de saúde da América Latina, de forma que a nossa carteira hoje contempla todas as faixas etárias, trazendo, assim, uma diversidade ampla de patologias. O serviço da telerradiologia tem possibilitado que pacientes de localizações mais carentes de especialistas tenham seus exames de imagem laudados em um padrão de qualidade”, conta Lara de Sá Paiva, diretora médica da Hapvida Diagnóstico, que reforçou também a importância da redução no prazo de entrega dos laudos para casos de emergência ou procedimentos cirúrgicos rápidos.

A Companhia mantém uma equipe com cerca de 230 especialistas para analisar e interpretar os exames de imagens, como ressonância magnética, raio X, tomografia e mamografia. O fato de não precisar manter um corpo médico in loco para viabilizar o serviço, além de representar maior eficiência operacional, possibilita também uma rede de apoio entre especialistas do diagnóstico.

Para a Dra. Franciane Gonçalves, diretora médica executiva da Hapvida NotreDame Intermédica, a telerradiologia otimiza o tratamento do paciente, uma vez que chega mais rápido às mãos do médico solicitante. “O laudo, na maioria das vezes, é um importante complemento para traçar o plano terapêutico. E, com a agilidade desse resultado, conseguimos definir a conduta de forma muito mais célere. Isso facilita principalmente nos casos em que há a constatação de alguma alteração grave”, conta.

Nesses casos mais críticos, o time de especialistas analisa os exames e sinaliza o médico solicitante imediatamente, e o mesmo atua de forma ativa no contato com o paciente para devida orientação e conduta de acolhimento. Nas unidades da empresa, há uma média de dois mil achados críticos por mês. Os laudos são enviados ao médico solicitante por meio do portal do paciente (on-line) e do aplicativo Hapmed, identificados com o CRM e a assinatura eletrônica do radiologista que o elaborou.

O serviço foi implementado no início de 2018. Para oferecê-lo, a empresa passou por alguns desafios, tais como a infraestrutura de sistemas, o suporte em tecnologia da informação, a padronização dos laudos por parte dos médicos e a formação de uma equipe médica qualificada e compromissada com a missão de oferecer, de forma acessível, o diagnóstico de qualidade.  

“Para mitigar esses desafios, estamos em constantes adaptações sistêmicas, redimensionamento e treinamento médico. Contamos ainda com um robusto programa de auditoria de laudos”, finaliza Lara de Sá Paiva.

Iniciativas como esta reforçam a missão da empresa em levar saúde acessível, de qualidade, com o uso de tecnologia e inovação para garantir sempre uma melhor experiência para seus beneficiários.