O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

São Luís:Câmara instala CPI do Transporte Público Municipal

A Câmara Municipal de São Luís instalou, na tarde desta segunda-feira, 6, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Transporte Público Municipal. O encontro para tratar sobre a CPI ocorreu na sala de reuniões da Casa Legislativa. Além de oficializar o início das atividades, a reunião também elegeu os cargos de presidência, vice-presidência e de relatoria da CPI.

O vereador Chico Carvalho (PROS) foi escolhido para presidir a comissão e informou que já vai avançar com as próximas etapas da CPI. “A partir de amanhã nós já vamos discutir o regimento interno da CPI, para que a gente aprove logo este regimento e possa dar logo andamento aos nossos trabalhos”, disse.

Vice-presidência da CPI

Por unanimidade, os vereadores que integram a comissão elegeram para a vice-presidência da CPI o vereador Astro de Ogum (PCdoB).

Relatoria

Já para o cargo da relatoria, o presidente da comissão, Chico Carvalho, indicou o vereador Álvaro Pires (PMN), seguindo o regimento da câmara. “De fato, a CPI vai analisar os contratos do transporte público. Ver de que forma estão funcionando. Vamos apurar para saber se estão funcionando devidamente. Vamos investigar, a CPI é justamente para isso”, comentou.

Além do presidente, do vice-presidente e do relator da CPI, participaram da reunião o presidente da Câmara de Vereadores, Osmar Filho (PDT), o primeiro-secretário da câmara, Octávio Soeiro (Podemos), o co-vereador Jhonatan Soares, do Coletivo Nós (PT) e o vereador Ribeiro Neto (PMN).

O vereador Marquinhos (DEM), que foi escolhido para ser um dos membros integrantes da comissão, não participou da reunião.

Chico Carvalho também informou que amanhã deve elaborar o calendário com a agenda de trabalho da CPI do Transporte Público Municipal.

O que será apurado?

O objetivo central da CPI é analisar a licitação e os contratos de concessão aos empresários que operam o sistema de transporte público. O certame foi realizado em 2016, durante a gestão do ex-prefeito Edivaldo Holanda Jr (PSD).