Procon/MA encontra variação de até 150% no preço de flores em pesquisa para o Dia das Mães

Item bastante procurado para quem presenteia no Dia das Mães, as flores têm variação de preços que pode chegar a até 150%, a depender do estabelecimento. Isso foi o que apontou a última pesquisa de preços realizada pelo Instituto de Proteção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA) divulgada nesta sexta-feira (7).

Assim como na pesquisa destinada aos presentes para o Dia Internacional da Mulher, realizada em março, o levantamento incluiu livros de autoras maranhenses entre os itens pesquisados.

“É uma valorização do consumidor e, também, do mercado de escritoras maranhenses; assim nós auxiliamos a decisão de consumo de quem procura um presente e ajudamos na divulgação do trabalho de um produtor local”, destacou a presidente do Procon/MA, Karen Barros.

Pesquisa

O levantamento incluiu mais de 20 títulos de autoras mães maranhenses, membros da Associação Maranhense de Escritores Independentes (Amei) e comercializados na sede do estabelecimento, no Shopping São Luís. Entre as obras, há livros como “Mãe Pensativa”, (Cores e Valores, R$ 30,00); “Mulheres e profissões” (R$ 10,00), dentre outros.

Sobre a comercialização de flores, quatro estabelecimentos de São Luís foram pesquisados e 22 itens participaram do levantamento.

A maior diferença de preços encontrada foi na flor do tipo kalanchoe, comercializada em vaso, que teve variação de 150% no preço, sendo vendida a RS 8,00 na Flora Fogaça, no Cohafuma, e R$ 20,00 na floricultura Aroma das Flores, no Angelim.

O solitário com rosa, segundo item no ranking de maiores variações, é encontrado a R$ 5,00 na Flora Fogaça e a R$ 10,00 em outros estabelecimentos, como Arts Flores (Vinhais), Frutaflor (Renascença) e Aroma das Flores.

A embalagem especial de seis rosas acrescidas de outras flores, como tango, astromélia e gipsófila, entre outras, pode ser encontrada a R$ 90,00 na Aroma das Flores e a R$149,00 na Frutaflor, diferença de R$ 65,56%.

A pesquisa tem preços válidos entre os dias 7 e 10 de maio e a íntegra pode ser consultada no site do Procon/MA.