Primeira edição do curso Como Desenvolver uma Empresa de Sucesso teve início em São José de Ribamar

 

Chegou a vez de mais de 300 empresários de micro e pequenas empresas, Microempreendedores Individuais (MEI), potenciais empresários de São José de Ribamar conhecerem mais sobre o mundo empreendedor. Desde essa segunda-feira (16) e até sexta (20), das 19h às 22h, o Ginásio de Esportes do Liceu Ribamarense recebe a primeira edição deste ano, do curso Como Desenvolver uma Empresa de Sucesso, antiga a Oficina Sebrae de Empreendedorismo (OSE).

Estiveram presentes na solenidade de abertura, o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão, Edilson Baldez das Neves; o vice-prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio; o diretor técnico do Sebrae no Maranhão, Antônio Garcêz; a vereadora de São José de Ribamar, Marlene Monroe; a chefe da assessoria Especial de São José de Ribamar, Ana Caroline Marques, além de técnicos do Sebrae no Maranhão e secretários e autoridades municipais.

A iniciativa está sendo desenvolvida como parte das ações do convênio firmando entre o Sebrae no Maranhão e a Prefeitura de São José de Ribamar. O curso visa despertar habilidades, competências e comportamentos empreendedores em seus participantes, que receberão, durante esta semana, orientações técnicas sobre práticas de gestão e inovação em negócios por meio de palestras, dinâmicas em grupo e consultorias em suas próprias empresas.

“Essa é uma oportunidade única de levar capacitação em massa para os empreendedores ribamarenses, ensinando-os a geri o seu negócio pra que ele seja sustentável. Isso tem uma importância enorme, por que diminui os riscos e se todos se empenharem e saírem daqui com a disposição de colocar o que aprenderam na prática, com certeza, obterão melhores lucros”, destacou o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão, Edilson Baldez das Neves

Na oportunidade, o público é dividido em oito salas para obter conhecimento com consultores credenciados ao Sebrae no Maranhão, que durante os cinco dias abordam temas como ‘O empreendedor e suas competências’, ‘Nasce uma ideia de negócio’, ‘Entenda os riscos do seu negócio’, ‘O desafio da mudança’ e ‘Como fazer sua empresa crescer – novos rumos’.

Durante o curso, os participantes também são incentivados a criar uma empresa no “Desafio Meu Negócio”, para assim, ter a chance de pôr em prática os conceitos abordados no evento. Através do desafio, os participantes desenvolvem suas técnicas empreendedoras em um ramo diferente do que eles estão habituados a trabalhar, além de lidar com processos de vendas, planejamento estratégico e controle financeiro.

De acordo o diretor técnico do Sebrae no Maranhão, Antônio Garcêz, o curso tem como proposta levar os empreendedores a desenvolverem técnicas para melhorar os seus negócios. “Desde 2012, o Sebrae no Maranhão já realizou 25 Oficinas Sebrae de Empreendedorismo, atendendo a mais de 30 mil empreendedores em todo estado, nossa missão é auxiliar os pequenos negócios a desenvolverem suas empresas, trabalhando conceitos de planejamento e processos de gestão da empresa, de forma geral, mas o foco maior é fazer com que os participantes percebam a importância das atitudes empreendedoras, a partir de um modeo de negócio que ele pode criar, e aí vivenciar todo o processo de forma dinâmica e interativa”, ressaltou Garcês.

Ainda estão previstas mais sete cursos Como Desenvolver uma Empresa de Sucesso em todo Maranhão, em 2018.

Expectativas

O vice-prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio, falou sobre a parceria com o Sebrae no desenvolvimento de ações que levem a cultura empreendedora aos ribamarenses.  “Nossa expectativa é muito positiva, porque nesses bairros e no entorno têm surgido novos negócios e muitas oportunidades para as empresas. O curso será de grande importância, pois irá estimular o empreendedorismo, não só para quem tem um negócio, mas também para aqueles que querem abrir sua empesa”, destacou Eudes.

É o caso de Sebastiana Moraes de Nascimento, que é vendedora ambulante de lanches, que viu no curso, uma oportunidade de aumentar o seu negócio. “Não sou formalizada ainda, mas creio que a oportunidade é essa, quero crescer e poder ofertar uma melhor condição de vida a minha família”, disse.

De acordo com registros, São José de Ribamar conta com mais de 7 mil empresas e até março, o número de Microempreendedores Individuais era de 3.649 MEIS.

Além do curso, entre os dias 17 a 19 de abril, irão acontecer palestras durante o dia, que serão divididas entre colaboradores da Prefeitura de São José de Ribamar e participantes da curso, empreendedores e comunidade em geral.

Convênio

O Sebrae no Maranhão e a Prefeitura de São José de Ribamar assinaram em novembro de 2017, convênio que tem como objetivo a execução de ações voltadas ao desenvolvimento municipal, com a formalização de parceria consistente na execução de ações voltadas ao desenvolvimento municipal, por meio da capacitação de servidores públicos, pequenos empresários, implantação de educação empreendedora na Rede Municipal de Ensino, atendimento à pequenos negócios e inventário turístico de São José de Ribamar.

“Com essa parceria, iremos desenvolver diversas ações no município como a organização e revitalização da Associação Comercial de São José de Ribamar, realização do censo empresarial, que irá identificar quais são as necessidades do empresariado local e a partir desse diagnóstico, focarmos em ações que incentivem os pequenos negócios do município a atuarem de forma sustentável no desenvolvimento econômico da cidade balneária. Agradecemos a confiança do prefeito Luís Fernando”, informou o diretor superintendente João Martins.

Em maio, o município de São José de Ribamar deu um grande passo para a valorização das microempresas e empresas de pequeno porte do município, quando o prefeito Luís Fernando Silva sancionou a Lei Geral Municipal das Micro e Pequenas Empresas para impulsionar o setor, em uma articulação da diretoria executiva do Sebrae no Maranhão, por meio do diretor superintendente João Martins, tendo o foco em ações de estímulo à Políticas Púbicas.

O objetivo da legislação é fomentar o desenvolvimento dos pequenos negócios municipais, assim como a geração de emprego, redução da informalidade e fortalecimento da economia das cidades.

Com a implementação da Lei Geral, as microempresas (ME), empresas de pequeno porte (EPP) e os microempreendedores individuais (MEI) de São José de Ribamar vão ter um tratamento jurídico diferenciado, como a simplificação dos processos de abertura e baixa de estabelecimentos, tratamento tributário específico, acesso ao mercado, apoio à inovação, facilidade de crédito, fiscalização orientadora, além de ter regras de inclusão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.