Piscicultores de Santa Inês são incentivados a aumentar a produção do pescado

Segundo o Prefeito, Felipe dos Pneus, a piscicultura tem grande potencial no município. No entanto, os produtores familiares sempre reclamaram da falta de incentivo por parte do Poder Público. “Toda vez que converso com um piscicultor, o discurso é o mesmo: se a gente tivesse suporte da Prefeitura, a gente aumentaria nossa produção. Então, nossa Secretaria de Agricultura criou um projeto para acabar com essa carência. Agora, as famílias que têm criatórios terão todo o suporte necessário” – explica o Prefeito.

A Secretaria de Agricultura, Piscicultura e Abastecimento realizou a primeira etapa do projeto de incentivo à produção de pescado. Foram doados 50 mil alevinos da espécie mais consumida na região, Tambaquí. Resultado de uma parceria com o laboratório Aquapesc. “100 famílias serão contempladas pelo projeto neste primeiro momento. Além de ganharem os alevinos, os produtores também terão todo suporte técnico, desde o manejo à comercialização do pescado” – destaca a Secretária, Cris Artioli.

As famílias que receberam os alevinos são dos povoados Juçaral do Capistrano e Água Fria. Cada família recebeu mil alevinos. Na nossa região, o peixe fica pronto para o abate quando pesa em média 1,2 quilo. Dependendo dos cuidados, com um ano o peixe pode chegar até 3 quilos. O certo é que para este mesmo período do ano que vem, as famílias beneficiadas pelo projeto terão muito pescado para comercialização. O que resulta num crescimento na geração de renda local.