O Maranhense|Notícias do Estado do Maranhão

Nota Técnica do Imesc apresenta estudo sobre a bacia hidrográfica do Rio Paciência

O Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc), autarquia vinculada à Secretaria de Estado de Programas Estratégicos (SEPE), em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), apresenta a nota técnica “Vulnerabilidade ambiental das bacias hidrográficas da Ilha do Maranhão: bacia hidrográfica do Rio Paciência”. Lançada nesta semana, a publicação tem o objetivo de identificar e mapear as áreas de risco, além de ameaças, suscetibilidades e vulnerabilidades relacionadas às inundações.

“O presente estudo serve como uma ferramenta estratégica à Gestão Pública, a qual visa promover a elaboração de instrumentos técnico-científicos para sua medição na gestão sustentável da região, principalmente no auxílio de políticas públicas relacionadas ao planejamento de ações, atuação sobre a qualidade ambiental e minimização dos impactos das diferentes atividades na Ilha do Maranhão”, destaca o presidente do Imesc, Dionatan Carvalho.

A bacia hidrográfica do Rio Paciência possui suas terras inseridas nos quatro municípios que compõem a Região Metropolitana da Grande São Luís, a saber: São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. Nesse sentido, os pesquisadores produziram um banco de dados geográficos atualizado, visando ampliar os estudos sobre vulnerabilidades e suscetibilidades ambientais do estado.

Dessa forma, as informações apresentadas no estudo apontam para a identificação de áreas de atenção prioritária à inundação e podem auxiliar em planos de reassentamento involuntários de famílias das áreas vulneráveis.