Maranhão tem 16 projetos de transporte terrestre no novo PAC. Veja a lista

Com a retomada de investimentos proposta pelo novo PAC, a infraestrutura do Maranhão será incrementada com 16 projetos de transportes terrestres. No modal rodoviário, estão previstas onze obras públicas, além do estudo de concessão da BR-135/316/MA à iniciativa privada. No modal ferroviário, o programa prevê investimentos em obras de duas concessões existentes e em dois estudos de novas concessões.

Um dos destaques é a duplicação do trecho da BR-316/MA, na região do Meio-Norte, entre o município maranhense de Caxias e Teresina (PI). A rodovia é o principal eixo de ligação entre o Norte e o Nordeste do Brasil.

No total, serão R$ 10,4 bilhões investidos nas intervenções elencadas pelo Governo Federal como prioridade para o Maranhão. Seguindo as diretrizes da gestão, todas elas devem considerar os impactos sociais e ambientais, além de garantir melhorias na malha viária e no nível dos serviços prestados. O Nordeste como um todo contará com R$ 49,1 bilhões em investimentos públicos e privados.

“O programa é um pacto entre os entes federativos para impulsionarmos o desenvolvimento do país, com infraestrutura de qualidade e geração de emprego e renda. Investir na malha viária de qualidade também é fortalecer a economia e fomentar o bem-estar da população”, disse o ministro dos Transportes, Renan Filho.

As obras públicas e concessões à iniciativa privada em rodovias e ferrovias somam cerca de 300 empreendimentos e aproximadamente R$ 280 bilhões, sendo R$ 79 bilhões em recursos do Orçamento Geral da União e R$ 201 bilhões em investimentos privados.

Veja a lista de empreendimentos no estado inclusos no novo PAC:

Rodovias

  • Adequação da BR-222/MA
  • Adequação da BR-230/MA
  • Adequação da Travessia Urbana de Imperatriz – BR-010/MA
  • Estudo de concessão da BR/135/316/MA
  • Construção da BR-226/MA
  • Construção da BR-235/MA
  • Construção da BR-402/MA
  • Construção do contorno de Balsas – BR-230/MA
  • Duplicação da BR-010/MA
  • Duplicação da BR-135/316/MA – Miranda do Norte – Caxias
  • Duplicação da BR-135/MA – Estiva – Miranda do Norte – 02 lotes
  • Duplicação da BR-316/MA – Teresina – Caxias

Ferrovias

  • Investimentos em obras da Estrada de Ferro dos Carajás – EFC
  • Estudo de nova concessão da Malha Nordeste
  • Investimentos em obras da Ferrovia Norte-Sul
  • Estudos de nova concessão da ligação da Transnordestina à Ferrovia Norte-Sul

Planejamento

Lançado em 11 de agosto, o novo PAC veio para incrementar investimento, garantir infraestrutura econômica, social e urbana, melhorar a competitividade do país e gerar emprego e renda. No total, são estimados R$ 1,7 trilhão em investimentos públicos e privados, com cerca de 4 milhões de empregos gerados em todos os eixos do programa.