Maranhão é destaque nacional na garantia de serviços do CadÚnico e Bolsa Família durante a pandemia

O Maranhão foi destaque nacional e definido como experiência exitosa pelo Ministério da Cidadania no que diz respeito à garantia dos serviços durante o período da pandemia do novo Corona vírus (Covid-19). Por meio dos recursos do índice de Gestão Descentralizada (IGD), o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Social (Sedes), executou uma série de ações como forma de apoio aos municípios sobre o Cadastro Único (CadÚnico) e Programa Bolsa Família, durante os meses de isolamento social.

O secretário Márcio Honaiser explicou que a pandemia e o isolamento social dificultaram o processo de acompanhamento dos municípios, sendo necessárias outras formas de apoio às gestões municipais para a boa execução do Bolsa Família e CadÚnico. “Investimos na necessidade de apoiar os municípios durante o período difícil que estamos atravessando, e garantir que o uso do nosso recurso estadual [IGD-E] proporcione estímulo e segurança aos beneficiários e trabalhadores, tão expostos na linha de frente”, disse o secretário. 

O IGD/PBF é um repasse do Governo Federal que custeia as atividades de gestão, articuladas e integradas na rede de Assistência Social com o Cadastro Único e Programa Bolsa Família. O recurso garante mais segurança para as gestões municipais e estaduais do PBF enfrentarem este período de emergência.A Sedes adquiriu 300 totens com álcool em gel personalizados com informações sobre benefícios sociais para apoiar a gestão municipal do Bolsa e do Cadastro Único. A logística para a distribuição foi desenhada de forma regional, evitando que as equipes tenham que se deslocar até a capital, São Luís.

A secretária adjunta de Renda e Cidadania (SARC) da Sedes, Ana Gabriela Borges, explicou que a restrição do acompanhamento presencial trouxe a necessidade de ajustes para que os programas continuassem funcionando nos municípios. “Realizamos diversas ações através de plataformas online, como atendimento aos municípios prioritários (MupS), plataforma de capacitação e certificação digital, sala de escutas permanente aos 217 municípios, dentre outras atividades. Além disso, estamos finalizando a contratação de protetor facial de acetato e de adesivo de chão para sinalização de distanciamento, conforme as normas sanitárias, que também serão distribuídos às equipes municipais que atuam no Bolsa, no Cadastro Único e na Rede Suas”, disse a secretária. 

A plataforma de capacitação lançada pela Sedes, ofertará aos gestores municipais cursos online, palestras, chat, salas de bate-papo com diversos temas sobre Cadastro e Bolsa Família para incentivo, interação e manutenção da integração dos gestores, entrevistadores, digitadores, diretores de escolas, técnicos de saúde e conselheiros da assistência social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.