Mais de 130 alunos já foram capacitados pelas Unidades Móveis do Programa Mais Renda

Seis municípios do Maranhão já receberam as capacitações inerentes das Unidades Móveis do Mais Renda, beneficiando 134 alunos. O Mais Renda é uma oportunidade para o microempreendedor que trabalha na informalidade ampliar sua renda de forma qualificada. O programa é uma iniciativa do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes). 

Diversos municípios da região Sul, Central e do Médio Mearim receberam as Unidades Móveis, entre eles: Balsas, Bernardo Mearim, Coroatá, Fortaleza dos Nogueiras, Igarapé Grande e Riachão. As aulas foram divididas nos eixos gerencial, humano e prático, e aconteceram em diversos eixos de aprendizagem, como: confeitaria, costura, alimentação e estética, com carga horária de 42 horas.

O Mais Renda contribui para ampliar a renda de vendedores e prestadores de serviços que exercem diversas atividades com pouca estrutura. Um de seus objetivos é qualificar o trabalho, ampliar a renda e, a partir disso, dar mais dignidade para as pessoas. O destino das duas unidades é percorrer 28 municípios maranhenses levando os cursos, com aulas teóricas e práticas, para formar e qualificar microempreendedores maranhenses. 

Para o secretário da Sedes, Márcio Honaiser, percorrer todos esses munícipios com as duas unidades móveis do programa é dar a chance aos beneficiários de ressignificar suas vidas e das famílias. “A secretaria cumpre com o seu papel indo a todos esses municípios. Cada turma iniciada e encerrada é uma oportunidade de contribuir diretamente na renda destas famílias. Hoje, nós contamos com disponibilidade de duas carretas que garantem um aprendizado completo”, pontuou.

Novas modalidades

O programa já ofertava as modalidades de alimentação e estética e agora terá as opções de confeitaria e costura. 

Para a gestora do programa Mais Renda, Serlene Chaves, a chegada de novas modalidades ampliam ainda mais o leque de oportunidades de qualificação para o público microempreendedor. “ A confeitaria e costura foram as duas modalidades inclusas na nova fase do programa pela grande procura nos municípios. O Mais Renda vem proporcionar a esses alunos uma inclusão sócio produtiva. Os microempreendedores passam a ter acesso a informações do ramo que querem trabalhar, além de conhecimentos sobre linhas de financiamento e estratégias de empreendedorismo”. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.