.

Júri simulado é estratégia para complementar prática jurídica de estudantes de Direito

Uma briga de bar entre duas mulheres levou a uma tentativa de homicídio. Mas, calma! A história não é verdadeira: foi criada especialmente para um júri simulado, realizado na tarde desta sexta-feira (03) pelos alunos do Centro Universitário Estácio São Luís. 

A atividade integra a prática jurídica da disciplina de Estágio III, em que é trabalhada a área de Direito Penal. Segundo a supervisora do estágio, Amanda Marques, o objetivo é proporcionar aos alunos a experiência real do funcionamento de um tribunal do júri. “Nessa atividade, eles adquirem conhecimentos sobre como funciona a área criminalista na prática. São informações que podem ser cobradas no exame da ordem, por exemplo, e que podem ser muito úteis para quem deseja atuar nesse segmento após a graduação”, disse a professora. 

A criação do júri simulado contou com a parceria do advogado criminalista e especialista em Direito Penal Paulo Ribeiro. Para ele, que é egresso do curso de Direito do Centro Universitário Estácio São Luís, a atividade ajuda ainda a entender o roteiro e os trâmites corretos de um tribunal do júri. “Aqui, eles aprendem na prática quais são os ritos, quem fala primeiro, como é a dinâmica na frente do juiz, entre outras situações que podem aparecer no dia a dia da profissão” explicou o advogado. 

SIMULAÇÃO 

É de autoria de Paulo Ribeiro o caso fictício que deu origem ao júri simulado. No evento, ele atua como o juiz – mas todos os outros papéis são desempenhados pelos estudantes, com o acompanhamento e a orientação dos professores sempre que necessário. “Queríamos que eles vivenciassem situações o mais próximas possível da realidade. Há casos comuns, por exemplo, em que as testemunhas contam versões totalmente diferentes do que ocorreu, e foi essa a situação que trouxemos aqui hoje”, contou. 

A atividade tem o efeito desejado nos alunos. Para se preparar para o júri simulado, Thyago Ribeiro, que é estudante de 9° período de Direito, assistiu a diversos tribunais do júri e precisou ler bastante sobre psicologia forense. “Aprendi muita coisa que tem aplicação prática na profissão. Esses eventos nos dão uma formação holística, completa mesmo, na área do Direito” afirmou. 

SAIBA MAIS 

O júri simulado encerra a programação da semana no curso de Direito do Centro Universitário Estácio São Luís. Nos últimos dias, os estudantes participaram também de uma visita virtual ao Tribunal Regional do Trabalho da 2° Região, em São Paulo; e de um talk show sobre mediação de conflitos familiares nas ações de divórcio.