.

Governo do Maranhão lança edital de seletivo do IEMA com mais de 5 mil vagas

O edital para o processo seletivo do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) foi lançado na tarde desta quinta-feira (1º) pelo governador Carlos Brandão. A cerimônia de lançamento do edital contou com a presença do diretor-geral do IEMA, Alex Oliveira, da diretora adjunta Administrativo Financeira do IEMA, Alessandra Picanço, do diretor adjunto Pedagógico do IEMA, Márcio Lopes; dos secretários Sebastião Madeira (Casa Civil), Márcio Machado representando a secretária Leuzinete Pereira (Educação), Davi Telles (Ciência e Tecnologia), Tatiana Pereira (Juventude), Aparício Bandeira (Infraestrutura), Rubens Pereira (Articulação Política).

Ao todo, são 5.355 vagas, mais cadastro de reserva, para os Cursos Técnicos de Ensino Médio em Tempo Integral e Integrado à Educação Profissional a serem ofertados no ano de 2023, nos IEMAS Plenos de 34 unidades existentes em todo estado.

“É uma conquista histórica para a educação do estado com mais de 5 mil vagas disponíveis em todas as unidades do IEMA Pleno. Houve uma considerável expansão que demonstra nosso compromisso com o futuro dos maranhenses. Estamos felizes por estar construindo e participando dos avanços na educação”, afirmou o governador Carlos Brandão.

O diretor geral do IEMA, Alex Oliveira, destacou que no sétimo ano de existência do IEMA, a criação de mais vagas para cursos técnicos do Ensino Médio e Profissional reforça a preocupação do governo do Maranhão em criar condições dignas de educação. “É uma revolução na educação profissionalizante que assegura oportunidades para mais maranhenses serem transformados por meio do conhecimento”, declarou.

O estudante João Kauã afirmou que o IEMA mudou sua vida ao ingressar em um curso profissionalizante. “Sou filho de pais humildes, moro na periferia, e estudar em uma escola tão completa como o IEMA é um sonho de criança. Agradeço a chance de ter uma educação digna como essa e proporcionar no futuro uma qualidade de vida boa aos meus pais”, comentou.